Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/02/2009 19:29

Após recursos, aprovação no exame da OAB sobe para 32%

Jefferson da Luz, Campo Grande News

Após recursos, o número de aprovados no exame da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso do Sul) sobiu de 234 para 442, com isso o percentual de aprovados passou de 16,85% para 32,84%. O resultado foi divulgado hoje e refere-se à primeira fase do processo de avaliação.

Agora, o índice está dentro da média de aprovações nos exames realizados no Estado nos últimos anos.

No dia 19 de janeiro, depois da divulgação do baixo desempenho dos bacharéis no exame, a direção da OAB/MS apresou-se em ir a público criticar o ensino de direito no Brasil.

Entre as notas de quem passou, antes dos recursos, poucos ultrapassaram os 65 pontos, a maioria ficou na casa entre os 50 e 60. Apenas um conseguiu mais de 80 pontos: Mateus Castriani Quirino, que atingiu 84 pontos na prova objetiva.

Na ocasião, o vice-presidente nacional da OAB, Vladimir Lourenço Rossi, disse que existe uma crise no ensino jurídico do Brasil. O presidente da OAB/MS, Fábio Trad, avaliou a situação e afirmou que houve uma queda “brutal” no número de aprovados em comparação aos últimos exames.

Em 2007, o índice de aprovação na primeira fase foi de 50,97% dos inscritos, e de 32,39% em 2006.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)