Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

31/08/2010 18:26

Após reclamação, TSE suspende propaganda que mostrava falso dentista

Débora Zampier, Agência Brasil

Brasília - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pediu hoje (31) às emissoras de rádio e televisão que suspendam a veiculação de propaganda institucional do tribunal sobre a importância do voto, que faz alusão a um falso dentista. A decisão veio após reclamação do Conselho Regional de Odontologia (CRO) de São Paulo, que considerou a propaganda uma “analogia infeliz”.


Em ofício encaminhado ao presidente do TSE, o CRO apoiou a iniciativa do TSE de fazer campanhas de esclarecimento ao eleitor, mas afirmou que “o exemplo escolhido pela agência publicitária retrata de maneira inadequada e ofensiva esta situação, comprometendo a educação da população, no que diz respeito à importância da prevenção e dos cuidados com saúde bucal”.


A propaganda em questão mostra uma paciente, que adormece na sala de espera do consultório dentário. Em seu sonho, o profissional responsável por atendê-la é procurado pela polícia por ter aplicado substâncias ilícitas em pacientes.


Em resposta enviada ao CRO-SP, o TSE informou que \"não era intenção do Tribunal Superior Eleitoral divulgar visão distorcida do profissional de odontologia ou ofendê-lo\". A Corte ainda afirmou que enviaria ofício pedindo a substituição dessa peça publicitária por outra, em que um eleitor \"entrevista\" um candidato e pergunta se ele tem bons antecedentes.


“Fica claro na propaganda que se trata de um ‘sonho’ em que o ator representa um falso dentista. Ao compararmos o falso profissional ao mau político, procuramos incentivar o eleitor a buscar as melhores opções, pesquisar o passado das pessoas nas quais ela deposita sua confiança”, informou o TSE.



Edição: Antonio Arrais



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)