Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/05/2009 11:27

Após mais de 8 horas, pai devolve filha e se entrega

Oswaldinho Duarte / Dourados News

Depois de ficar trancado mais de oito horas no banheiro da casa onde mora, em Itaporã, o comerciante Luciano Akira do Amaral, 33 anos, resolveu entregar a filha de seis meses que mantinha refém.

Ele estava com a menina desde às 14h20 da tarde de hoje e só por volta das 22h40 resolveu devolver a criança à ex-mulher, Aline Menani. O bebê foi atendido pelo Corpo de Bombeiros e passa bem.

A separação há uma semana da esposa é apontada como motivo da atitude radical do pai. O caso movimentou a cidade, além de curiosos, parentes e amigos do casal acompanharam todo o desenrolar do caso durante toda tarde e noite.

O drama começou quando a cunhada de Luciano levou o bebê para visitá-lo. Ao pegar a menina, ele se trancou no banheiro e começaram as negociações com homens da Força Tática da PM (Polícia Militar).

Só no fim da tarde, perto das 18 horas, o pai autorizou a aproximação de um policial militar para levar uma mamadeira à criança.

as negociações continuaram depois disso, o comerciante chegou a impor condições para se entregar, como a presença da mãe dele. A senhora não pode ir até o local, mas ele conversou com uma irmã.

Depois de ser convencido de que a criança poderia ter complicações de saúde, caso permanece por mais tempo longe da mãe, Luciano resolveu sair.

Acompanhado por uma advogado, Luciano foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil, onde será autuado em flagrante acusado de cárcere privado.

Segundo a imprensa de Dourados, depois da separação, Luciano já havia ameaçado a esposa de morte.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)