Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/01/2004 16:00

Aldo Rebelo aceita convite para ser ministro

Gabriela Guerreiro/ABr

O líder do Governo na Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), aceitou o convite do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para assumir um ministério que terá como função a articulação política do Governo. A criação da pasta, embora ainda não anunciada oficialmente pelo presidente, foi confirmada pelo seu futuro titular, que se reuniu esta tarde com o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, no Palácio do Planalto.

De acordo com Aldo Rebelo, a pasta vai ajudar o governo na ação política e na integração com o Congresso Nacional, os governadores, prefeitos, o Poder Judiciário e outras instituições. A definição do formato do novo Ministério será, segundo Rebelo, do próprio presidente Lula.

Aldo Rebelo informou que a intenção do presidente Lula é ampliar a ação política do governo com a criação do novo Ministério. O líder negou, porém, que vá dividir poder com o ministro José Dirceu, que hoje centraliza a ação política no Executivo e acumula uma série de atividades no comando da Casa Civil.

Segundo Rebelo, sua ação vai apenas ser somada às atividades exercidas pelo ministro-chefe da Casa Civil. "Tanto o presidente quanto eu estávamos plenamente satisfeitos com o desempenho do ministro Dirceu. Haverá apenas uma divisão de atribuições e responsabilidades, o que é uma coisa natural no governo e, principalmente, quando há atividades e atribuições que podem sobrecarregar determinados membros do governo", ressaltou o líder.

Aldo Rebelo evitou arriscar o nome do seu substituto na liderança do governo na Câmara. O deputado disse que essa é uma indicação pessoal do presidente Lula. "Eu creio que o presidente saberá escolher um nome capaz de corresponder às necessidades da base do governo na Câmara", disse.

Sobre a relatoria do projeto de Biossegurança que ocupava na Câmara, o líder disse que até o início da semana que vem vai encontrar um substituto para o posto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)