Cassilândia, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

Últimas Notícias

28/09/2004 07:15

Alcides Silva: Língua portuguesa, inculta e bela!

Alcides Silva/O Jornal de Santa Fé do Sul

CRASE
A dúvida:
Primeiro irei à festa e depois a Aporé ou Primeiro irei a festa e depois a Aporé?
ou ainda,
Primeiro irei à festa e depois à Aporé; ou, finalmente, Primeiro irei a festa e depois à Aporé.
O problema é a crase, aquele acento grave que se coloca sobre um a, quando sua pronúncia tem o valor de dois as.
CRASE é a fusão da preposição a com o artigo a. Assim, como regra geral, não existe crase diante de palavra masculina, até porque não se pode colocar o artigo feminino “a” antes de um nome masculino. A única exceção ocorre nos demonstrativos aquele, aquilo, aqueloutro: “Cheguei àquele ponto por necessidade”. “Não dei importância àquilo”. Os demais demonstrativos não têm crase.
Assim, para saber se existe ou não crase, substitua palavra antes da qual aparece a preposição a ou as por uma palavra masculina. Fui à festa – Fui ao baile. Apresentei-me às autoridades de plantão – Apresentei-me ao dono da academia – fui a uma escola modelo – Fui a um colégio modelo. Conforme as modificações trazidas pela nova lei... Conforme os novos modos de agir... Se na forma masculina aparecer ao ou aos, ou, ainda, para o ou para os o a antes da palavra feminina deve receber o acento grave.
Quando o nome referir-se a um lugar (cidade, estado, país) substituía a preposição a ou as por para. Se o que você quiser dizer significar para a (ou em a = na) use a crase: Voltei à Cassilândia de minha infância. Se significar somente para, não use crase: Voltei a Cassilândia (sem crase = Voltei para Cassilândia). Da mesma forma com em , com significação de na: À saída (na saída) ou À entrada (na entrada) recebemos flores. – Estava às portas da falência.
Em algumas locuções adverbiais também ocorre a crase, como às vezes, à noite, à frente, à maneira de, à moda de, às custas de, à bala, à máquina, à vista, à tinta, à mão, etc.
E, finalmente, antes dos relativos que, qual e quais, quando o a ou as puderem ser substituídos por ao qual me referi = Eis o trabalho ao qual me referi.
Não se esqueça, salvo as exceções acima, não se usa crase:
1º - antes de palavra masculina: Andar a pé, compras a prazo, passear a cavalo;
2º - antes do nome de cidades: Vim a Cassilândia – Fui a Paranaíba;
3º - entre substantivos repetidos: Gota a gota, frente a frente, cara a cara, de ponta em ponta;
4º - antes de formas de tratamento: Venho a Vossa Excelência solicitar... Rogo a Vossas Senhoria atenção a este pedido... Pediram a Sua Majestade..;
5º - antes de “distância”: quando esta for indeterminada: A polícia ficou a distância dos acontecimentos. Se se definir a distância, haverá crase: O obstáculo estava à de distância de dez metros;
6º - antes dos indefinidos “uma”, “alguma”, “qualquer”, “nenhuma”, “tanta”, “tal”, “certa” e “tamanha”: Resistiu a alguma pressão – Deu a tamanha mentira o seu devido valor.
E dando os trâmites por findos, como dizia Vinícius, a dúvida fica resolvida, porque não há crase antes dos nomes de cidades: Primeiro irei à festa e depois a Aporé (=para Aporé) – Primeiro irei à missa e depois a Campo Grande.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 30 de Março de 2017
Quarta, 29 de Março de 2017
20:34
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)