Cassilândia, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

Últimas Notícias

16/04/2004 15:43

Agronegócio puxa consumo de energia elétrica no campo

Alana Gandra / Campo Grande News

O agronegócio foi a causa do aumento de 1% no consumo faturado de energia elétrica em janeiro deste ano, apurado pelo Departamento de Mercado da Eletrobrás. De acordo com o informe de mercado da Eletrobrás, a classe de consumo rural vem puxando o crescimento do mercado desde o ano passado. O segmento já representa 4,6% do mercado.

A informação é do chefe do departamento, Mário Daher. Segundo ele, o agronegócio repercute no mercado industrial, com reflexos na produção de tratores, colheitadeiras e demais equipamentos, assim como no consumo rural de energia, em função da eletrificação de fazendas e sua conseqüente expansão. Daher afirmou que a tendência é de que o consumo rural continue aumentando, com base em fatores positivos como a boa safra de soja e a ampliação das exportações.

De acordo com o especialista, o resultado de janeiro ainda não permite elaborar uma estimativa para o ano. O departamento de mercado trabalha com projeção de aumento de 4,7%, mas ainda é cedo para saber se essa meta será atingida, destacou Daher.

Em 2003, o consumo faturado de energia elétrica cresceu 3,7% em todo o país. Em 2002, o crescimento foi de 2,5%, mostrando o efeito de uma base mais baixa no ano anterior por conta do racionamento de energia. A maior retração dos últimos 50 anos foi sentida, porém, em 2001, na comparação com 2000, em plena crise energética, cuja queda alcançou 7,7%,.

Daher informou que estão sendo consolidados os dados de faturamento das empresas referentes a fevereiro, com previsão de servem divulgados até o final deste mês ou início de maio.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 26 de Junho de 2017
Domingo, 25 de Junho de 2017
15:50
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)