Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

23/11/2006 07:02

A crônica do Corino - Metendo a colher

Corino Rodrigues de Alvarenga
Cassilândia NewsCassilândia News

Metendo a colher

É comum você ouvir isso por aí:
- Em briga de marido e mulher, ninguém mete a colher.
Eu vejo essa frase como algo machista e desumano.
E o que dizer então dessa outra frase?
- Numa mulher não se bate nem com uma flor: seria um crime contra a natureza.
Resumindo: machista e ecologicamente incorreta.
Só no Estado do Ceará foram assassinadas 110 mulheres. E o criminoso é sempre o mesmo: o marido.
Eu defendo a idéia de que, se você sabe de um crime e não denuncia às autoridades, você é igualmente criminoso. A sua denúncia, se feita em tempo, pode salvar uma vida. Ou vidas, é claro.
Quantas dessas mulheres do Ceará não poderiam ter sido salvas se o vizinho mais próximo não tivesse se calado quando a pobre coitada foi espancada pela primeira vez ou teve os cabelos e as mãos queimadas no fogão? Quantas dessas mulheres não poderiam estar hoje vivas se elas próprias tivessem sido conscientizadas pelas autoridades competentes no que concerne aos direitos assegurados pelo Estatuto da Mulher?
Há duas semanas eu e um amigo estivemos num bar do bairro Jacobina II, na periferia de Jacobina. Ao sairmos de lá, chegou um homem gordo e mal encarado. Passou por nós com cara de poucos amigos e começou a agredir com tapas e pontapés a sua esposa que estava falando ao celular.
Como não sou de briga, mas também não sou de me omitir, a única coisa que me restou fazer foi telefonar para a polícia e informar o caso. Não sei se a polícia esteve no local, mas fiquei sabendo que o casal está separado. A mulher deve ter percebido que o homem não justificava as tantas promessas de amor eterno que, na certa, lhe fizera nos tempos de namoro.
Outra frase machista está até em pára-choque de caminhão: “Mulher de malandro, quanto mais apanha, mais pega amor.” Um verdadeiro absurdo.
É por isso que, após a primeira delegacia da mulher, inaugurada em São Paulo, em 1993, o País conta com um grande número delas espalhadas por quase todos os Estados. A maioria conta com a Divisão de Homicídios Praticados Contra a Mulher.
Pesquisa Ibope publicada pelo Instituto Patrícia Galvão, em 2006, chegou à seguinte conclusão: 64% acham que o homem que agride sua companheira deve ser preso e
51% conhecem ao menos uma mulher que é ou foi agredida pelo companheiro.
É por isso que cada um de nós tem que ajudar as autoridades a fazer cumprir a chamada Lei Maria da Penha, que, por sinal, é rigorosa e está ajudando a lotar os presídios brasileiros, pois os agressores e assassinos de mulheres não estão mais pagando a sua dívida com a sociedade por meio de trabalhos prestados à comunidade, mas recolhidos ao xilindró.
Para concluir o meu raciocínio, eu pergunto a você, prezado e fiel leitor: em briga de marido e mulher, você mete a colher?
Se a sua resposta for “sim”, por favor, escreva para coluna.
Mas se a sua resposta for “não”, por favor, não me escreva. Melhor: faça de conta que nem me conhece.

Corino Rodrigues de Alvarenga
Contato com a coluna:
corinorodrigues@hotmail.com

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)