Cassilândia, Quinta-feira, 02 de Abril de 2020

Últimas Notícias

11/03/2020 15:15

“Você vai morrer igual seu marido”, disse mulher que tentou atirar em vizinhas

Campo Grande News

 

Antes de tentar atirar nas duas vizinhas, de 19 e 20 anos, S.M.J. teria dito que a mais nova delas morreria como o marido, um adolescente de 17 anos assassinados a tiros no ano passado. A mulher de 32 anos foi presa por tentativa de homicídio na segunda-feira, 9 de março, e teve a prisão preventiva decretada nesta manhã.

Para a polícia, a jovem de 19 anos contou que as brigas com S.M.J. e o marido dela começaram dias antes e junto com as discussões, as primeiras ameaças de morte.

Em depoimento, ela relatou que na quarta-feira passada assistia futebol com as amigas e o marido da vizinha foi até sua casa para pedir que elas fizessem silêncio. Mesmo assim, uma das mulheres soltou uma bombinha. O homem então voltou a residência e fez as primeiras ameaças de morte contra a dona da casa.

Poucos dias depois, uma nova confusão entre o casal e a vítima aconteceu. Dessa vez envolvendo também a jovem de 20 anos e o marido dela, que é irmão do companheiro de S.M.J.. A briga seria resultado da cobrança de uma dívida de R$ 15.

Na segunda-feira, dia 9, a discussão teria começado entre as cunhadas. A jovem de 19 anos ouviu a briga e resolveu ver o que era, mas quando se aproximou para conversar com a vizinha foi novamente ameaçada por S.M.J.. Para a polícia, a vítima contou que a autora repetiu as mesmas palavras ditas pelo marido dias antes. “Você vai morrer igual o seu marido”.

O marido da vítima foi assassinado a tiros em julho do ano passado, no quintal de casa, aos 17 anos. Segundo a polícia, o crime foi motivado por uma dívida de R$ 400 referente a venda de uma motocicleta roubada. Dois suspeitos foram identificados e indiciados pelo crime.

Revoltada com a insinuação, a jovem pediu para S.M.J. repetir a ameaça, que foi feita mais três vezes. A autora então entrou em casa e saiu novamente pouco depois, já com um revólver calibre 32 nas mãos. Ela apontou a arma para o peito da vizinha e disparou, mas o tiro falhou.

Para a polícia, a jovem afirmou que quando S.M.J. entrou em casa pegou um pedaço de pau, porque já esperava que ela saísse com uma faca ou algo parecido, mas que ao ver a arma entrou em estado de choque e não conseguiu se mexer. Ela ainda viu a suspeita dar um tiro para cima e mais uma vez o revólver falhar.

Neste momento, a cunhada de S.M.J. foi para cima dela, na tentativa de desarmá-la. Pela terceira vez, a mulher atirou. Apontou a arma para a parente e disparou, mas a munição “picotou”. Com um pedaço de madeira, a vítima conseguiu derrubar o revólver da mão dela. A mulher ainda se armou com um facão para tentar matar as vizinhas, mas foi impedida e agredida por moradores da região.

Na delegacia, a jovem de 20 anos contou que está grávida de dois meses e ouviu a cunhada ameaçar que arrancaria o bebê dela do útero. Relatou também que reagiu para proteger os moradores que estavam acompanhando a discussão, muitos deles crianças. Caso segue em investigação.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 02 de Abril de 2020
10:00
Receita do Dia
Quarta, 01 de Abril de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)