Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sexta, 14 de Junho de 2024
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Piracema registra aumento de 200% nas apreensões

Redação 24HorasNews - 28 de fevereiro de 2009 - 07:12

O balanço das atividades desenvolvidas durante o período de Piracema, que será encerrado neste sábado (28.02) revela que houve um acentuado crescimento - de 200% - nas apreensões de pescado pelo Núcleo de Policiamento Ambiental do 9º Batalhão, com sede em Cuiabá. Desde janeiro de 2007 as ações de repressão a crimes contra o meio ambiente foram descentralizadas tornando mais efetivo o trabalho, já que cada batalhão da Polícia Militar passou a contar com equipes treinadas para repressão a modalidade de crime contra o meio ambiente.

As ações desencadeadas pelo Núcleo foram realizadas no trecho de Cuiabá até a cidade de Barão de Melgaço, em uma área de abrangência estimada em 300 quilômetros. Na Piracema (2008/2009) foram localizados 1,2 mil quilos de pescado. Foram apreendidas 164 redes. Já em 2008 o número chegou a cerca de 400 quilos e foram localizadas 71 redes.

Conforme o comandante do 9º BPM, tenente-coronel Antônio Mário Ibanez, a maior parte das apreensões foi realizada na área do Barra do Aricá, bairro Praerinho, e Engenho Velho. Segundo o comandante, diariamente durante o período de defeso, duas equipes percorreram os trechos do Rio Cuiabá (usando embarcações e também a pé) para flagrar a ação de criminosos, mas devido à dificuldade de acesso a alguns trechos, são registradas fugas. “Quando percebem a aproximação do barco, em razão do barulho de motor, deixam as redes e fogem. Muitas vezes alguns dos animais ainda são encontrados vivos e são devolvidos ao rio”.

A parte preventiva também recebeu atenção especial já que dezenas de palestras, além de barreiras educativas foram realizadas durante o período alertando e conscientizando a população quanto a necessidade de preservação.


DADOS PIRACEMA 2007/2008 - As ações de fiscalização e combate à pesca predatória no período da Piracema do ano passado (2007/2008) resultaram na apreensão de 8,5 quilos de pescado irregular, em 15 municípios, R$ 128,4 mil em multas aplicadas, 33 inquéritos instaurados, 45 pessoas indiciadas, 19 presos em flagrante e, pela primeira vez, o indiciamento de um grupo por formação de quadrilha e corrupção de menores.

SIGA-NOS NO Google News