Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Segunda, 10 de Maio de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Escolas de Rio Preto registram casos de Covid entre professores e alunos

Em nenhuma delas, porém, as aulas presenciais foram suspensas

O Extra.net - 13 de fevereiro de 2021 - 14:00

Escolas de Rio Preto registram casos de Covid entre professores e alunos

Pelo menos três escolas estaduais de Rio Preto tiveram professores ou alunos infectados ou suspeita de infecção por coronavírus nos últimos 15 dias. Em nenhuma das instituições de ensino as aulas presenciais foram suspensas e o início do ano letivo presencial de 2021 com 35% da capacidade diária continua acontecendo.

Segundo informações obtidas pelo Diário e confirmadas pela Secretaria Estadual de Educação (Seduc), uma professora da escola estadual Maria Galante Nora, no bairro Cecap, testou positivo para a doença. Em outras duas escolas estaduais de Rio Preto, um aluno e três professores aguardam o resultado de exames após apresentarem sintomas de Covid-19 depois do retorno presencial.

Por meio de nota, a Seduc confirmou que a professora testou positivo. De acordo com informações apuradas pela reportagem, a docente teria participado de uma reunião de planejamento escolar com professores e testado positivo antes da volta às aulas presenciais ocorrer na segunda-feira, 8. Entretanto, professores que tiveram contato com a docente não foram testados antes do retorno presencial e continuam atuando.

Questionada, a Seduc disse que todas as unidades seguem os protocolos das autoridades da área da saúde e que a escola foi higienizada antes do retorno presencial. "A Diretoria Regional de Ensino de Rio Preto informa que a professora mencionada testou positivo para a Covid-19 e as providências cabíveis já estão sendo tomadas. Os alunos da unidade não serão prejudicados e os responsáveis e alunos serão orientados", informou a nota.

Segundo o protocolo de retorno das aulas presenciais, elaborado pela própria Seduc, caso um professor, servidor ou estudante testar positivo para Covid-19, deve haver um rastreio de todas as pessoas dentro da escola que estiveram a menos de um metro deste servidor por pelo menos 15 minutos e recomenda que estas pessoas fiquem em isolamento por 14 dias e procurem o serviço de saúde. Isolamento de docentes que não aconteceu.

Na escola estadual Parque das Aroeiras, um aluno com sintomas da doença foi afastado das aulas presenciais e aguarda o resultado do teste. "Ele realizou o exame ontem e aguarda o resultado em casa", disse a Seduc.

Já na escola estadual Voluntários de 32, professores apresentaram sintomas após o retorno presencial e estão afastados também aguardando o resultado de exames. "Os profissionais sob suspeita já estão afastados e aguardam resultado. As duas escolas também permanecem em funcionamento, atendendo 35% dos alunos de forma presencial e, o restante, remotamente".

As aulas na maioria das escolas estaduais de São Paulo voltaram na última segunda-feira, 8. Em cinco instituições de ensino estaduais de Rio Preto o retorno presencial não aconteceu por falta de funcionários de limpeza.

A Seduc informou que a empresa que prestava o serviços foi penalizada e teve seu contrato rescindido nas escolas estaduais Noemia Bueno do Valle, Zulmira da Silva Salles, Alzira Valle Rolemberg, Nair Santos Cunha e Darcy Federici Pacheco que continuam com aulas remotas até a situação ser normalizada.

Atualmente, segundo o plano São Paulo de flexibilização, as escolas de educação básica - do ensino infantil ao ensino médio - da região de Rio Preto podem receber até 35% da capacidade diária de alunos. Caso avance para a fase amarela, as escolas podem receber até 70% da capacidade por dia.

Na rede municipal de Educação de Rio Preto, as aulas voltaram no dia 1º, mas apenas de forma virtual.

Nos siga no Google News