Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 29 de Junho de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Empresários aprovam "congelamento" da carga tributária

Agência Senado - 04 de outubro de 2003 - 10:07

Reunidos com senadores envolvidos na reforma tributária, o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), deputado federal Armando Monteiro (PTB-PE), e o empresário Jorge Gerdau, presidente da Ação Empresarial, que congrega confederações de empresários, apoiaram ontem as idéias dos líderes partidários do Senado sobre a reforma tributária, especialmente o “congelamento” da carga tributária do país.

- As idéias são muito interessantes e têm o apoio dos empresários, mas deles querem ver no papel, na lei, como isso tudo vai ficar - afirmou Armando Monteiro, ao deixar o gabinete da liderança do governo no Senado.

Participaram do encontro o líder Aloizio Mercadante (PT-SP), o relator da reforma, senador Romero Jucá (PMDB-RR), e o presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), Edison Lobão (PFL-MA).

O presidente da CNI observou que os senadores “estão retomando o norte da reforma tributária” original, enviada à Câmara pelo governo. Sustentou ainda que o Congresso “não pode esquecer que deve fazer uma reforma tributária para a sociedade, e não para os governos, não exclusivamente para os entes federados”.

Por sua vez, Jorge Gerdau afirmou que “uma das coisas mais importantes é acabar com essa guerra fiscal insustentável entre os estados”, apoiando ainda a intenção de se aprovar “alguma lei” que estabeleça um limite para a carga tributária do país.


SIGA-NOS NO Google News