Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sábado, 2 de Julho de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

"Do jeito que está é melhor não existir", diz Tebet

Maristela Brunetto/Campo Grande News - 15 de agosto de 2003 - 09:16

O senador Ramez Tebet (PMDB/MS) considera inadequado o texto da reforma tributária, julgando melhor não haver mudanças de acordo com o que está sendo proposto. Na opinião do parlamentar, os estados e municípios terão prejuízos com as mudanças nos tributos. “Do jeito que está é melhor não existir”, comentou nesta manhã em entrevista ao programa Capital News, da FM Capital.
Contrário ao texto, Tebet argumento que não haverá redução em impostos, como ICMS e o Imposto de Renda. E le elogiou o empenho dos governadores do Centro-Oeste em defender junto às bancadas os interesses dos estados na reforma.
Segundo o senador, circula em Brasília versão de que o governo federal estaria cogitando desistir da reforma. Em contrapartida iria ficar com a receita da CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira) e a CID seria aumentada e dividida com estados e União.
Na opinião do senador, a receita da CPMF deve ser dividida com estados e municípios. Tebet defende que a aprovação da reforma seguindo os interesses do governo será um desprestígio ao Legislativo.


SIGA-NOS NO Google News