Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 21 de Abril de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Detran entra no Renaif e multa ganha validade nacional

Campo Grande News - 20 de maio de 2004 - 15:01

Os veículos de outros Estados que forem multados em Mato Grosso do Sul estão impedidos, até que a multa seja paga, de serem licenciados. O Detran – Departamento Estadual de Trânsito – está oficializando o ingresso no Renaif (Registro Nacional de Infrações), permitindo que a infração tenha validade em todo o país.
O sistema, no entanto, ainda não tem integração nacional. Além de Mato Grosso do Sul, funciona no Paraná, Bahia, Goiás e Pernambuco. Atrasados, os outros Estados, como São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, por exemplo, ainda não colocaram em prática o programa.
Mesmo os Estados que ainda não entraram no Renaif vão pode, no prazo de cinco anos, quando prescreve a validade da multa, cobrar a infração. Por exemplo, um carro de São Paulo é multado em Campo Grande, mas o Detran paulista ainda não está integrado ao Renaif. A multa fica arquivada e, em até cinco anos, pode ser recuperado e o dono do carro obrigado a paga-la para licenciar o veiculo.
Em apenas uma semana, segundo o diretor-presidente do Detran-MS, Gilberto Tadeu, o órgão expediu 122 multas endereçadas a donos de veículos com placas de outros Estados. Tadeu faz um alerta para proprietários de veículos que moram em cidades que ficam na região que faz divisa com o Paraná, principalmente.
Os carros licenciamentos no Paraná e que recebem multas em Mato Grosso do Sul vão estar impedidos de fazer o licenciamento. Antes, esse impedimento não existia e eles circulavam livremente, ignorando as multas.