Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 1 de Agosto de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Danilo Balu - Corrida em tempos de coronavírus: o que fazer?

Por Danilo Balu

Blog Recorrido - 07 de agosto de 2020 - 11:00

Danilo Balu - Corrida em tempos de coronavírus: o que fazer?

Antes de QUALQUER coisa: sua corrida é APENAS uma corrida. Em tempos de crise devemos ter prioridades. Seu hobby, seu passatempo, seu Instagram NÃO é prioridade. PORÉM… sua saúde é!

Steve Magness tuitou algo mais ou menos assim: Vamos esclarecer uma coisa. Correr em local aberto sozinho (ou com quem você vive) é perfeitamente ok. Na verdade, é provavelmente benéfico à sua saúde física e mental no momento. Não vamos demonizar atividades que não arriscam a propagação de doenças.

Li nesses dias recomendações de Médicos e Fisiologistas falando sobre treinos e imunidade. Esqueça essa gente. Médico não mexe com atividade física, Fisiologista dá treino pra ratinho. Ignore o que dizem, mas sem ser rude, por favor.

1. Você NÃO deveria fazer longões por agora!
Seja por imunidade, seja por se expor menos tempo externamente, seja porque NÃO temos provas. NÃO HÁ COMO SUSTENTAR longões por meses. Nem prós conseguem isso! A temporada este ano será LONGA, reduzir os longões é um jeito de conseguir esticar a temporada.

2. Não faça simulados!
Uma vez que não há competições, NÃO caia na tentação de fazer simulados. Motivo: competições e simulados estressam nosso organismo de um jeito IRREPLICÁVEL em treinos. Competições e simulados abalam nossa imunidade, 99% dos treinos NÃO. Fazer simulados é correr riscos desnecessários.

3. Torne os intervalados (tiros) mais extensivos.
Por uma questão de imunidade? Relaxa, Adelaide! É porque é – de novo! – um jeito de ESTENDER, de esticar uma temporada que parece que será mais longa que o normal. É um jeito de podermos sustentar a intensidade por meses. NINGUÉM aguenta treinar “pé embaixo” o tempo todo. Você também não, vai por mim!

4. NÃO treine em grupo!
Não preciso explicar, né? Achatar a curva blablablá…
Sigo correndo sozinho enquanto não há toque de recolher e parques e academias estão abertos. Não peço que faça o mesmo, mas vou na linha do Magness: NÃO treinar me faria MUITO mais mal.

5. Tome os cuidados básicos.
Lavar as mãos blablablá…

Era isso!
Não deixe um medo irracional te dar a desculpa que seu inconsciente mais quer: parar com o desconforto da atividade física! Medo de sair na rua? Treine em casa!

*Danilo Balu é Bacharel em Esporte pela Universidade de São Paulo (EEFE-USP), fez Nutrição na mesma instituição (FSP-USP), além de Engenharia Civil (POLI) e Ciências Atuariais (FEA-USP). Corre desde 1990. É treinador de corrida em São Paulo. O conteúdo é de responsabilidade do articulista. Instagram: @danilobalu E-mail: danilobalu@hotmail.com Podcast: 3ladosdacorrida

SIGA-NOS NO Google News