Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sexta, 23 de Abril de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Comitê de Enfrentamento ao COVID-19 se reuni para revisar o decreto vigente

A informação é da Prefeitura de Paranaíba

Otávio Armando - 03 de março de 2021 - 09:40

Foto: Antônio Agostini
Foto: Antônio Agostini

Na manhã desta terça-feira, 02, os membros do Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 reuniram-se no Paço Municipal para revisarem o decreto vigente que trata sobre as medidas de proteção e adoção de medidas mais rígidas em relação ao plano de prevenção ao coronavírus.

Esta semana ocorreu um aumento considerável e preocupante no número de casos. De acordo com a Secretária de Administração, Adailda Lopes de Oliveira, "para não ser necessário tomar decisão mais drásticas"; pois segundo as autoridades o que está sendo feito pela saúde e a forma correta. "O que falta é compreensão e cuidados por parte da população", disse a Secretária.

Foram traçadas estratégias para com os estabelecimentos dos municípios. A Vigilância Sanitária se comprometeu a notifica-los. Notificação que não é um auto de infração. A notificação constará os dados do estabelecimento e o que eles devem respeitar de acordo com o decreto vigente (Link ao final). As notificações terão início pelas conveniências, para cumprirem o distanciamento social e o toque de recolher. Depois bares, tabacarias, restaurantes e padarias. “As escolhas desses estabelecimentos foram feitas pela importância de se respeitar o distanciamento social e aglomerações. São lugares onde vendem produtos que são consumidos no local, estabelecimentos que serão encontradas pessoas que terão que tirar a máscara”, ressaltou o Diretor do Departamento de Vigilância Sanitária, Gilson Luiz Piva Filho.

Ate dia 15 de março todos os estabelecimentos do município serão notificados para que continuem respeitando as normas do decreto, para não terem prejuízo de interdição ou de um ato de infração.

O prefeito Maycol Queiroz participou da reunião e chamou a atenção para o aumento de doentes no município. Inclusive, os dois últimos boletins epidemiológicos divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, apontam para a curva crescente da doença. “Nós não queremos prejudicar nosso comercio, apenas ressaltar a necessidade de proteger nossa população”, alertou.

A Secretaria Municipal de Saúde de Paranaíba informa que a ocupação das unidades de terapia intensiva (UTI) atingiu sua lotação máxima. Os 10 leitos disponibilizados na Santa Casa de Paranaíba estão 100% ocupados.

Participaram da reunião: o Prefeito Maycol Queiroz; o presidente da ACIP (Associação Comercial e Industrial de Paranaíba), Flávio Cury; Secretário de Governo, Deoclésio Pereira dos Santos Junior do Kezio; Secretária de Administração, Adailda Lopes de Oliveira; secretária de Educação, Simone Oliveira; Secretário de Saúde, Amauri Mariano; Secretária de Finanças e Planejamento, Fernanda Queiroz Andrade Marques; Procurador Jurídico, Dr. Marcelo Facin e o Diretor do Departamento de Vigilância Sanitária, Gilson Luiz Piva Filho.