Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Terça, 18 de Maio de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Anvisa recebe pedido para uso emergencial da vacina do Butantan

Após o pedido ser protocolado, a Anvisa tem 10 dias corridos para analisar o processo

O Extra - 08 de janeiro de 2021 - 14:20

Anvisa recebe pedido para uso emergencial da vacina do Butantan

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou na manhã desta sexta-feira, 8, o primeiro pedido de uso emergencial de uma vacina contra Covid-19 no Brasil: a Coronavac, desenvolvida pela Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, em São Paulo.

O protocolo online foi entregue pelo Butantan pouco antes da reunião desta sexta com a agência. Após o pedido ser protocolado oficialmente, a Anvisa tem agora um prazo de 10 dias corridos para analisar o processo.

Porém, nas primeiras 24 horas, a agência fará uma checagem de documentação. Caso falte alguma coisa, o laboratório será notificado e o prazo de 10 dias é suspenso até o envio. A análise, no entanto, seguirá normalmente, enquanto a documentação não chegar.

Depois de a Anvisa confirmar o recebimento do pedido, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou em sua conta no Twitter que a Coronavac "comprovou sua eficácia e segurança e agora poderá imunizar milhões de brasileiros".

Se a Coronavac já tivesse obtido autorização de ao menos uma agência reguladora estrangeira, entre EUA, China, Japão ou Europa, o tempo entre pedido e aprovação seria de 72 horas, conforme decisão mantida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em 30 de dezembro.

Na quinta-feira, 7, o governo paulista havia informado que o pedido de uso emergencial já havia sido feito, mas a Anvisa negou a informação, dizendo que alguns procedimentos ainda precisavam ser executados.

SIGA-NOS NO Google News