Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 1 de Agosto de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Zeca apresenta projeto de utilização do gás

APn - 09 de julho de 2003 - 14:58

Rio de Janeiro – O governador Zeca do PT apresentou esta manhã, em reunião com o presidente da Petrobras, José Eduardo Dutra, e diretor de Gás e Energia da Petrobras, Ildo Sauer, projeto que mostra a viabilidade e a importância do gás natural para o processo de desenvolvimento do Estado.
Acompanhado do secretário de Coordenação Geral do Governo, Paulo Duarte, e do secretário de Infra-Estrutura e Habitação, Maurício Arruda, o governador Zeca do PT conversou com o presidente da Petrobras sobre a ativação da termelétrica de Três Lagoas e construção da usina de Corumbá. “Mostramos à Petrobras a viabilidade da utilização do gás para geração de energia ao pólo mínero-siderúrgico de Corumbá e sua importância ao projeto do pólo gás-químico”, comentou o governador Zeca após o encontro com José Eduardo Dutra e Ildo Sauer.
Segundo o secretário de Coordenação Geral do Governo, Paulo Duarte, o presidente da Petrobrás ouviu com atenção a exposição feita pelo governador Zeca e admitiu que a empresa tem interesse em gerar energia aproveitando mais o gás boliviano. “O governador mostrou que há perspectiva de grande consumo, principalmente a partir da implantação do pólo minero-siderúrgico”, disse Paulo Duarte.
Paulo Duarte ressalta que o pólo minero-siderúrgico é estratégico para o processo de desenvolvimento do Estado. “Hoje Mato Grosso do Sul exporta o minério de ferro para a Argentina ao preço de US$ 13 a tonelada. Com a consolidação do parque siderúrgico, o minério pode ser processado em Corumbá, agregando valores ao produto e gerando muitos empregos em sua cadeia”, disse. A chamada redução do minério de ferro, segundo o secretário, elevaria o preço do produto para US$ 100 a tonelada.

SIGA-NOS NO Google News