Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 14 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Técnico do Cene pede tranqüilidade para o time

Paulo Fernandes / Campo Grande News - 25 de abril de 2006 - 16:29

Depois da briga generalizada no Douradão durante a partida contra o Sete de Setembro no último domingo, o técnico do Cene, Roberto Fonseca, conversou com os jogadores do time e pediu para que eles tenham tranqüilidade nas próximas partidas. “Nós não podemos entrar nesse tipo de briga. Se a gente entra, acaba perdendo. Os jogadores acabam expulsos”, disse.

A briga resultou na expulsão de quatro jogadores: dois do Sete e dois do Cene, além do técnico do time douradense, Alex Lima. Garrafas, sapatos e outros objetos foram atirados no gramado pela torcida. O jogo chegou a ficar paralisado por 20 minutos.

O árbitro que apitou o jogo, Jose Carlos de Oliveira, terá que entregar um relatório da partida, sob pena de punições, ainda na tarde de hoje para que o TJD/MS (Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso do Sul) julgue os responsáveis pela confusão.

Para Roberto Fonseca, haverá punições. “Eu acredito que deva ter, principalmente para o pessoal do Sete. A torcida jogou diversos objetos no campo e o pessoal do Sete de Setembro saiu do banco e foi brigar com os jogadores. Não teve nenhum jogador do Cene saindo do banco para entrar na briga”, diz.

O julgamento pelo TJD/MS será feito em regime de urgência. Para a direção do TJD/MS, o processo será julgado em, no máximo, duas semanas. O Furacão Amarelo já está classificado para a próxima fase do Campeonato Estadual série A, mas quer manter a liderança.

SIGA-NOS NO Google News