Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quinta, 23 de Setembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

PTB pode lançar candidato ao governo do Estado em 2010

Fernanda França, Campo Grande News - 09 de março de 2009 - 19:52

O comando regional do PTB cogita a possibilidade de lançar candidatura ao governo do Estado em 2010, caso Fernando Collor de Melo tenha seu nome referendado pelo partido para a disputa pela presidência da República.

O lançamento de candidatura própria em Mato Grosso do Sul seria uma forma de constituir um palanque para o ex-presidente no Estado.

O presidente regional do partido, Ivan Louzada, esteve no último sábado na convenção nacional do PTB, em Brasília, e revelou que Fernando Collor está “bastante empolgado” com a idéia de se candidatar a presidente da República.

“Ele está muito entusiasmado, tem o apoio da Executiva toda. Seria um projeto bastante audacioso do PT”, comentou Louzada.

A única coisa que pode impedir a candidatura de Collor a presidente é a possibilidade concreta de se tornar o próximo governador de Alagoas.

Bem avaliado as pesquisas para consumo interno em seu Estado, Collor pode não querer trocar uma eleição regional mais fácil pela possibilidade de perda na disputa pela presidência da República.

Segundo Ivan Louzada, na hipótese do ex-presidente sair candidato, o PTB de Mato Grosso do Sul pode lançar “um nome forte e em evidência” para a disputa regional.

Sem revelar nomes, o dirigente disse que as portas do partido estão abertas e que tem conversado com um ex-governador e um empresário de peso, para costurar este cenário.

Mesmo assim, continua mantendo conversações com lideranças políticas do Estado, articulando uma possível aliança em 2010. Ivan Louzada já conversou sobre o assunto com o ex-governador Zeca do PT e com os senadores Delcídio do Amaral (PT) e Marisa Serrano (PSDB).

Na tentativa de voltar a ser um partido forte no Estado, após alguns episódios de disputa interna, que enfraqueceram a legenda, o PTB também está buscando nomes fortes para formar chapa de deputado estadual e federal em 2010.

O grande alvo do partido são ex-prefeitos que, sem cargos, mas com forte liderança nos municípios, podem sair candidatos a deputado em 2010.

Vários convites foram feitos, um deles para o ex-prefeito de Coxim, Moacir Kohl (PDT). Outro ex-prefeito que está na mira do PTB é Djalma, de Aparecida do Taboado.

Alguns vereadores derrotados nas últimas eleições também receberam proposta do PTB, como é o caso de Alex do PT.

Tempo ampliado – Na convenção de sábado, em Brasília, Roberto Jefferson foi reconduzido à presidência nacional do partido.

Tanto o mandato dele, quanto dos presidentes regionais, incluindo Ivan Louzada, foram ampliados. Em Mato Grosso do Sul, o término seria em 20/05/2011, mas houve dilatação de um ano, terminando em 2012.

Ivan Louzada foi confirmado como membro da Executiva. Já o ex-deputado federal Walter Carneiro e o assessor jurídico do partido, Sérgio Magno Louzada, farão parte do Diretório Nacional. A convenção ocorreu no Hotel Nacional.

SIGA-NOS NO Google News