Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quinta, 2 de Dezembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Produtores de Maracaju retêm 200 mil toneladas de grãos

Marina Miranda/Campo Grande News - 30 de abril de 2006 - 16:03

Produtores fecharam todos os 13 armazéns de grãos de Maracaju, cidade a 164 quilômetros de Campo Grande. Conforme o presidente do sindicato rural do município, Luis Alberto Moraes, cerca de 200 mil toneladas de soja estão retidas nos armazéns. A ação é em protesto ao baixo preço do dólar e para pedir auxílio ao governo para solucionar a crise do setor.
“A nossa intenção é impedir o escoamento da safra. E vamos continuar o protesto por tempo indeterminado, até o governo nos dar uma solução”, informou. Segundo ele, em princípio não está prevista a interdição de rodovias.
O protesto atinge pelo menos 13 cidades de Mato Grosso do Sul - Ponta Porã, Douradina, Amambai, Itaporã, Vicentina, São Gabriel do Oeste, Maracaju, Bandeirantes, Fátima do Sul, Dourados, Chapadão do Sul, Caarapó e Aral Moreira.
Em Dourados, todos os armazéns também foram fechados e os produtores devem se reunir para avaliar o movimento amanhã.
Em Aral Moreira 11 estabelecimentos estão bloqueados por mais de 150 caminhões e máquinas dos agricultores. Alguns foram fechados a cadeados para evitar a evasão de grãos. Em Chapadão do Sul, 55 mil toneladas de grãos estão retidas e caminhões estão sendo parados na rodovia que dá acesso ao município.
Os produtores estão mantendo contato com a classe política.

SIGA-NOS NO Google News