Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 20 de Outubro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Portal do TJ vai ter serviço de pesquisa de livros

03 de maio de 2003 - 11:02

O portal do Tribunal de Justiça, www.tj.ms.gov.br a partir de segunda-feira (5), disponibiliza o novo serviço de Pesquisa de Livros.
Trata-se de um sistema de consultas ao acervo da Biblioteca, por meio de palavras-chave. Nele são fornecidos título, autor e localização da obra nas estantes da Biblioteca Arlindo de Andrade Gomes, no prédio do Tribunal, agilizando o trabalho do atendimento e facilitando a vida de quem faz uso do acervo, já que a pesquisa poderá ser realizada em qualquer terminal de computador que esteja conectado na rede mundial de computadores. Antes, era necessário visitar a biblioteca para obter essas informações.
O usuário tem acesso à ferramenta de pesquisa acionando o item “consultas”, seguido pela opção “biblioteca”, em que estão dispostas quatro modalidades de consultas: pesquisa de livros, pesquisa de legislação, pesquisa de periódicos e pesquisa de artigos de periódicos. Nesta primeira semana de funcionamento, o Departamento de Desenvolvimento de Sistemas e Internet do TJ está disponibilizando um pop-up de divulgação e instrução, para facilitar o entendimento do sistema.
O item não é totalmente novo; já existia no Portal, mas foi reformulado e agora dá acesso aos mesmos dados do sistema interno da biblioteca. Para melhorar a qualidade do serviço, o Departamento de Acervo Bibliográfico do Tribunal está realizando um inventário de todos os títulos do acervo, atualizando os dados e verificando possíveis incorreções. O trabalho se iniciou há cerca de dois meses e ainda pode levar mais dez meses, até que todos os quase 60 mil cadastros sejam revistos.
A iniciativa visa facilitar a consulta e oferecer novas e modernas opções aos usuários em geral. A Biblioteca do Tribunal funciona de segunda a sexta-feira, do meio dia às 18 horas. Todo o acervo está disponível para consultas locais, não sendo possível o empréstimo domiciliar.
A Biblioteca Arlindo de Andrade Gomes é especializada na área de direito e está aberta ao público. Atualmente são 8.653 livros, 17 mil artigos de periódicos, 281 títulos de periódicos e em torno de 18 mil legislações.
Fonte: assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça

SIGA-NOS NO Google News