Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Segunda, 15 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

PL abre processo de expulsão de ex-deputado

Iolando Lourenço/ABr - 04 de maio de 2006 - 18:20

A direção nacional do Partido Liberal abriu hoje (4) processo pela expulsão do ex-deputado Carlos Rodriques, conhecido como Bispo Rodrigues. Também determinou a intervenção no diretório fluminense do partido, onde era filiado. O anúncio foi feito em nota oficial do PL assinada pelo presidente Alfredo Nascimento.

Rodrigues renunciou ao mandato parlamentar, no ano passado, para escapar de processo de cassação por ter sacado dinheiro das contas do empresário Marcos Valério de Souza. Segundo a nota oficial, as duas decisões foram motivadas pelo envolvimento de Rodrigues no caso investigado na Operação Sanguessuga, desencadeada hoje pela Polícia Federal.

"A direção nacional foi surpreendida hoje com a notícia da prisão do ex-deputado pela PF em decorrência de investigações", afirma a nota. O partido nomeou para a função de interventor, "com plenos poderes", o secretário-geral da legenda o Sérgio Temer.

Rodrigues se entregou hoje à Polícia Federal. Com ele, já foram presas 46 pessoas, dentre elas dois empresários, servidores públicos, assessores parlamentares e o ex-deputado Ronivon Santiago (PP-AC). Os detidos em Brasília foram levados para a carceragem da Superintendência da Polícia Federal. Eles são acusados de crimes contra a ordem tributária, formação de quadrilha, fraude em licitação e corrupção ativa e passiva.

Segundo a PF o esquema começava no Congresso Nacional, durante a votação de emendas parlamentares ao Orçamento da União. Depois de aprovados no congresso os recursos previstos nas emendas para a compra de ambulâncias são repassados às prefeituras beneficiadas pelo Ministério da saúde. Os recursos são do Fundo Nacional de Saúde.

SIGA-NOS NO Google News