Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 22 de Setembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

PF: 102 mandados de prisão contra traficantes de animais

Cristiane Ribeiro, ABr - 11 de março de 2009 - 09:53

Rio de Janeiro - A Polícia Federal realiza desde o início da manhã de hoje (11) uma operação para desarticular uma quadrilha internacional de traficantes de animais silvestres para o exterior e para o comércio em feiras livres no Rio de Janeiro. Várias pessoas já foram detidas e estão sendo levadas para a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro.

De acordo com nota divulgada pela Polícia Federal, estão mobilizados 450 agentes para cumprir 102 mandados de prisão e 140 de busca e apreensão no Pará, Maranhão, em Sergipe, na Bahia, em Minas Gerais, no Espírito Santo, em São Paulo, no Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

A operação foi batizada de Oxóssi em homenagem à divindade africana que representa o protetor dos animais e das matas. Agentes federais também buscam integrantes da quadrilha em Portugal, na Suíça e República Tcheca.

De acordo com a nota da Polícia Federal, as investigações da Operação Oxóssi começaram em janeiro do ano passado e apontam que os envolvidos chegavam a comercializar 500 mil animais por ano. Entre as espécies mais negociadas estão diversos tipos de aves, cobras, onças-pintadas, veados-mateiros e macacos-prego. No Rio de Janeiro, os animais eram vendidos nas feiras de Honório Gurgel e Areia Branca e em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Segundo a Polícia Federal, os envolvidos no esquema são acusados de crime ambiental, receptação, contrabando e formação de quadrilha.

Mais detalhes da Operação Oxóssi serão divulgados em entrevista coletiva marcada para às 11h na Superintendência da Polícia Federal no Rio.



SIGA-NOS NO Google News