Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sexta, 22 de Outubro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Nova fábrica vai ser instalada em MS

Agência Popular - 25 de julho de 2003 - 09:58

O crescimento da produção de grãos nas novas fronteiras agrícolas do País continua atraindo investimentos da agroindústria para essas regiões. A diretoria do grupo gaúcho Kepler Weber comunicou ontem ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, que vai instalar uma unidade de sistemas de armazenagem de grãos em Campo Grande (MS).
Com investimento de R$ 105 milhões ao longo de três anos, a nova fábrica começa a ser construída em setembro deste ano e deve gerar 500 empregos diretos e cerca de cinco mil indiretos na capital sul-mato-grossense.
“A instalação da nova unidade da Kepler Weber mostra, mais uma vez, a importância do agronegócio na nossa economia”, afirmou o ministro. O diretor-presidente do grupo, Othon d’Eça de Abreu, assinalou que a decisão da empresa deve-se principalmente ao aumento dos recursos do Moderinfra (programa de apoio à armazenagem).
O governo Lula destinou neste ano R$ 500 milhões ao Moderinfra, acréscimo de 67% sobre os valores previstos em 2002. O limite de crédito por produtor subiu para R$ 400 mil, enquanto os juros se mantiveram em 8,75% ao ano, com prazo de oito anos.
Com 68 anos de atuação no Rio Grande do Sul, onde tem fábrica em Panambi, a Kepler Weber desenvolve sistemas de alta tecnologia de armazenagem e terminais portuários de grãos. Em Campo Grande, ela fabricará equipamentos para o armazenamento de grãos em fazendas. Num primeiro momento, a empresa investirá R$ 85 milhões no empreendimento da capital sul-mato-grossense. “Estamos acompanhando as novas fronteiras agrícolas”, observou Abreu.
A previsão do diretor-presidente da Kepler Weber é de que a nova unidade comece a operar em setembro de 2004. Em março de 2005, ela estará trabalhando plenamente. De acordo com Abreu, a fábrica empregará mão-de-obra do próprio Mato Grosso do Sul, que será treinada no Rio Grande do Sul para trabalhar no complexo industrial de Campo Grande.
Com previsão de faturamento de R$ 400 milhões neste ano, a Kepler Weber emprega 1.600 trabalhadores, em três turnos, no Rio Grande do Sul. Recentemente, a empresa fechou negócios de US$ 3,04 milhões de dólares para instalação de terminais portuários de grãos com a Venezuela e de US$ 2,1 milhões com a Turquia. (Mapa)

SIGA-NOS NO Google News