Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Segunda, 8 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Governo reduz pauta do álcool; mas aumenta a da gasolina

Humberto Marques / Campo Grande News - 27 de maio de 2006 - 09:43


O governo estadual aplica a partir de 1º de junho as alterações na pauta fiscal dos combustíveis em Mato Grosso do Sul, utilizados para se efetuar a cobrança do ICMS dos postos de combustíveis. Pelos novos números, calculados pela Secretaria de Estado de Receita e Controle, o preço da gasolina a ser usado como referência na cobrança do imposto será de R$ 2,853. Em maio, o valor era de R$ 2,8375. No óleo diesel, houve redução no valor: de R$ 2,1093 para R$ 2,1075; o mesmo ocorrendo com o álcool combustível, que teve o valor reduzido em cerca de R$ 0,20 por litro – de R$ 2,327 para R$ 2,122.

Antônio Carlos Paludo, da direção do Sinpetro/MS (Sindicato do Comércio de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência do Estado) a mudança da pauta beneficia principalmente os consumidores. Em geral, o impacto da tributação acaba retido no responsável pelo comércio de combustíveis. “Quem vai se beneficiar diretamente com a medida é o consumidor, porque reduz o preço do combustível na bomba”, ressaltou. O repasse das mudanças, conforme o sindicato, fica a critério de cada empresário.

Paludo disse, ainda, que a modificação feita na pauta do governo estadual não terá impactos na arrecadação, principalmente pelo fato de que as reduções em determinado combustível são compensadas pelas altas e pelo incentivo ao consumo nos outros. Além disso, o empresário criticou o fato de que os valores estão acima do que é praticado nos postos. “No caso do álcool, baixou para R$ 2,10, mas você já encontra o combustível sendo vendido a R$ 1,89”, informou.

SIGA-NOS NO Google News