Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 14 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Governo já tem nomes dos líderes de rebeliões em MS

Campo Grande News - 18 de maio de 2006 - 15:20

O secretário de Estado de Segurança Pública, Raufi Marques, afirmou que o governo já identificou os líderes das rebeliões ocorridas, de domingo para segunda-feira, em quatro presídios de Mato Grosso do Sul. Após visita nesta quinta-feira ao Estabelecimento Penal de Segurança Máxima, o secretário atendeu a imprensa e afirmou que o levantamento foi feito pela Polícia Civil, mas não quis revelar nomes.

O Complexo Penitenciário do Estado abriga 8,3 mil internos, sendo cerca de quatro mil somente nas unidades penais de Campo Grande. Parte destes internos pertence à facções criminosas, como o PCC (Primeiro Comando da Capital), que liderou a rebelião deste fim de semana.
O Sindicato dos Agentes Penitenciários informou que na Capital estão pelo menos cem líderes de PCC; 150 estariam no Presídio Harry Amorim Costa, em Dourados; 40 na unidade de Três Lagoas e 20 em Corumbá.

Conforme o presidente da entidade Fernando Anunciação, mesmo após a rebelião, os líderes permanecem “agitando a massa carcerária” e ameaçando agentes penitenciários. O presidente afirmou que, inclusive, um agente penitenciário foi afastado em função da descoberta de ameaça efetiva contra a vida dele. O caso teria sido investigado e confirmado pelo Serviço Reservado da PM (Polícia Militar) e trabalho da Polícia Civil.

SIGA-NOS NO Google News