Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Segunda, 20 de Setembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Governo Federal destina Cr$ 40 milhões para creches

Infomesa - 27 de agosto de 2003 - 15:48

Pela primeira vez na história do país, creches públicas e filantrópicas estão recebendo recursos para a merenda escolar de crianças menores de quatro anos. O Programa Fome Zero, por meio do Ministério Extraordinário de Segurança Alimentar e Combate à Fome (MESA) e o Ministério da Educação (MEC), está repassando, desde junho, o valor de R$ 0,18, por aluno/dia, a 17.587 mil creches. São cerca de 881 mil crianças recebendo alimentação de qualidade.

O investimento do Governo Federal é de cerca de R$ 40 milhões por ano, o que significa um repasse de 23,9 milhões para este ano. O repasse mensal é de R$ 3,2 milhões. O benefício de R$ 0,18 por aluno também pode ser complementado pelas prefeituras municipais. A merenda escolar em creches públicas é inédita no Brasil. Para o ministro da Educação, Cristovam Buarque, "com fome ninguém estuda e ninguém sai da fome sem estudo".

Pré-escola
O valor repassado por aluno matriculado na pré-escola, de R$ 0,06, estava congelado desde 1994. Em fevereiro deste ano, o Governo Federal resolveu reajustar de R$ 0,06 para R$ 0,13 o valor da merenda para alunos da pré-escola e do ensino fundamental da rede filantrópica, igualando ao valor destinado ao ensino fundamental. Com a ampliação, estão sendo atendidos 4,8 milhões de alunos da pré-escola e cerca de 38 milhões de alunos do ensino fundamental, totalizando um investimento de R$ 948 milhões.

O ministro de Segurança Alimentar, José Graziano da Silva, ressaltou que a merenda escolar é fundamental para o desenvolvimento das crianças. "Com alimentação adequada, a educação vai ganhar novo impulso. Queremos os alunos com prato cheio e nota 10", disse Graziano.

Campanha
O objetivo da campanha publicitária "Quando a fome é zero, a educação é dez", veiculada a partir de quinta-feira (28/08) nas principais revistas, rádios e emissoras de televisão do país, é assegurar a alimentação e combater a desnutrição infantil. No rádio será apresentado um spot de 30 segundos e na televisão, um VT de 30 segundos veiculado através do convênio MEC/Abert, durante cinco minutos diários, ou dez inserções por dia. Revistas semanais publicarão anúncios, além de cartazes que serão distribuídos nas creches e prefeituras informando sobre o Programa da Merenda.

Mato Grosso do Sul vai receber cerca de R$ 616 mil , para 283, atendendo 13.74 alunos

SIGA-NOS NO Google News