Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 14 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Criminosos do PCC já mataram 32 desde sexta-feira em SP

Shislaine Vieira/Campo Grande News - 14 de maio de 2006 - 09:00

Desde a noite da última sexta-feira, criminosos do PCC (Primeiro Comando da Capital) já assassinaram 32 pessoas na onda de ataques organizados contra a polícia de São Paulo.
De acordo com a Folha de São Paulo, foram contabilizadas 74 ações do grupo no Estado, mas a Secretaria de São Paulo não confirma o número total de ataques, que ainda é incerto.
O grupo já fez como vítimas 11 policiais militares, cinco policiais civis, três guardas, seis agentes penitenciários e dois civis, sendo estes a namorada de um policial e uma possível vítima de bala perdida.
A Secretaria de Segurança de SP prendeu 17 suspeitos de envolvimento nos crimes e outros cinco foram mortos durante confrontos.
Os ataques aconteceram em São Bernardo do Campo, Itapecerica da Serra, Araraquara, São José do Rio Preto, São Vicente e na capital.
Um agente de segurança da penitenciária de Araraquara foi morto por dois homens dentro de uma lanchonete. Em São Vicente, um carcereiro foi assassinado na praça Primeiro de Maio. Um outro policial teria sido atingido de raspão. Em São José do Rio Preto, dois homens em um carro vermelho dispararam contra ao Instituto Penal Agrícola. Um funcionário foi atingido pelos tiros.
Na madrugada deste domingo, criminoso atiraram contra o Fórum Regional de Santana e lançaram duas granadas, que não explodiram.
Uma série de rebeliões também ocorreu neste sábado em prisões de todo o Estado. De acordo com balanço divulgado pela Secretaria Estadual de Administração Penitenciária, às 20h, ainda havia problemas em 17 das 24 unidades que registraram motins.

SIGA-NOS NO Google News