Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quinta, 2 de Dezembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Cassilândia: PM salva mulher de ser estrangulada e prende o marido por tentativa de homicídio

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do 13º BPM.

Cassilândia Notícias - 21 de outubro de 2021 - 10:57

Cassilândia: PM salva mulher de ser estrangulada e prende o marido por tentativa de homicídio

Na madrugada desta quinta feira (21/10), policiais militares da equipe de patrulha urbana de Cassilândia salvaram a vida de uma mulher após impedir que marido dela continuasse aplicando um golpe “mata-leão” que já havia provocado nela a perda da consciência.

Por volta das 02 horas, a Polícia Militar foi informada que um indivíduo estava agredindo sua esposa com socos na Rua Teotônio Reis Costa, batia a cabeça dela no solo e estava a arrastando para dentro da casa. Os policiais militares chegaram rápido no local e puderam avistar o homem dentro da casa, no solo da sala, asfixiando sua esposa com uma chave de braço aplicada no pescoço dela, de modo que ela já estava inconsciente. A ação dos policiais foi enérgica e livrou a vítima do sufocamento que poderia causar sua morte, e em seguida prenderam o indivíduo de 36 anos.

A vítima, uma mulher de 29 anos, foi socorrida pelos policiais militares e instantes depois retomou sua consciência, mas estava muito debilitada e teve que ser levada para a "Pronto Socorro" da Santa Casa para cuidar dos hematomas em seu rosto e verificar os possíveis danos causados pela asfixia. Uma testemunha informou aos policiais que não interveio por medo de morrer, pois o autor dizia que a mataria também se intrometesse na situação.

Essa não foi a primeira vez que os policiais atenderam casos de violência doméstica entre o casal, no mês de setembro já haviam ocorrido duas situações e no ano de 2020 outra situação onde o autor também tentou findar com a vida da mulher, na época com 28 anos.

Diante do flagrante delito, o autor da tentativa de homicídio circunstanciada por violência doméstica foi entregue preso na Delegacia de Polícia Civil, onde foi lavrado o Auto de Prisão em Flagrante e permanecerá a disposição da justiça.

SIGA-NOS NO Google News