Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sábado, 27 de Novembro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Câmara decide se cassa ou não o mandato de Josias Gomes

Priscilla Mazenotti/ABr - 30 de abril de 2006 - 07:13

O plenário da Câmara vota, na próxima quarta-feira (3), o parecer do Conselho de Ética que recomenda a perda de mandato do deputado Josias Gomes (PT-BA). O deputado recebeu R$ 100 mil das contas do empresário Marcos Valério no Banco Rural.

Ao sacar o dinheiro, Josias Gomes deixou cópia de sua carteira de parlamentar. Em sua defesa, o deputado alegou que o dinheiro foi usado para pagamento de despesas de campanha do PT na Bahia, em 2002. Ele disse ainda que não sabia da ilegalidade dos recursos.

No mesmo dia, o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar analisa e vota o relatório do deputado Moroni Torgan (PFL-CE) que recomenda a perda de mandato do deputado Vadão Gomes (PP-SP). Ele é acusado de ter recebido R$ 3,7 milhões do empresário Marcos Valério.

Para um deputado ser cassado e perder sua elegibilidade até 2015, são necessários os votos de pelo menos, 257 deputados favoráveis ao parecer do Conselho de Ética. Se esse número não for atingido, o processo será arquivado e o deputado continuará com todos os direitos políticos. Até agora, apenas três deputados foram cassados pelo plenário. Nove tiveram o processo arquivado.

SIGA-NOS NO Google News