Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 17 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Agepen reforça segurança em presídios do Estado

Inara Silva/Campo Grande News - 13 de maio de 2006 - 16:02

Diante da ação do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção criminosa que fez 55 ataques a policiais e promove rebelião em 22 presídios em São Paulo, a direção da Agepen (Agência de Administração do Sistema Penitenciário) já providenciou o reforço na segurança das unidades penais de Mato Grosso do Sul. Segundo o diretor da Agepen, Luiz Carlos Telles, a medida é preventiva e a segurança interna foi reforçada com aumento no total de agentes penitenciários de plantão e do lado de fora dos presídios houve incremento no número de policiais militares. O diretor preferiu não revelar o índice de reforço, mas garantiu que o efetivo mobilizado é suficiente para atender as necessidades. Telles assegurou que neste domingo haverá visitas normalmente aos internos.
A maior atenção, segundo Telles, está voltada para o complexo penitenciário de Campo Grande, que tem 4,2 mil presos, e para o Estabelecimento de Segurança Máxima de Dourados, que abriga 1,4 mil pessoas. Em ambos os presídios estão integrantes de facções criminosas, inclusive, do PCC.
A superlotação atinge todo o sistema. Em Campo Grande, as unidades têm capacidade para abrigar 980 presos: o Segurança Máxima tem capacidade para 440 presos, o Instituto Penal para 280, o Presídio de Trânsito para 200 e o Centro de Triagem para 60, ou seja, todos estão além da capacidade, já que abrigam 4,2 mil pessoas. Em Dourados, a unidade tem capacidade para abrigar 535, mas está com o triplo: 1,4 mil internos.

SIGA-NOS NO Google News