Cassilândia, Sábado, 19 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

03/09/2003 09:16

Zeca diz que a saída é por Corumbá

João Prestes/APn

Corumbá (MS) – "Nós temos que fazer a hidrovia acontecer. Meu governo dará todo o apoio que for necessário para concretizar esse projeto, mas quero que os senhores não se esqueçam disso: a saída é por aqui. A saída é por Corumbá e Mato Grosso do Sul", disse o governador Zeca do PT na abertura do 3° Seminário Transporte Hidroviário Interior, que começou ontem e se estende até o dia 5 em Corumbá. O evento é promovido pela Sobena (Sociedade Brasileira de Engenharia Naval) e esta edição foi organizada pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (campus do Pantanal).

Diante de uma atenta platéia de 400 empresários do setor da navegação de todo o Brasil, da Argentina, Uruguai e de outros países da América do Sul, além de lideranças políticas, técnicos e acadêmicos, o governador reafirmou o que já havia dito em outras ocasiões: "Sou hidroviarista, e assim me defino por reconhecer a importância do transporte hidroviário para baratear custos, aumentar a competitividade de nossos produtos e promover a integração física tão desejada da América do Sul."

Zeca falou da posição geográfica estratégica de Mato Grosso do Sul, circundado por duas grandes bacias hidrográficas - Paraguai e Paraná - e no centro da América do Sul, portanto rota obrigatória para a ligação bioceânica Atlântico-Pacífico que começa a ser concretizada. Por estas particularidades o governador enfatizou que o Estado chama a atenção dos empresários de todo o país, e citou reuniões que teve recentemente na Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), na Abdib (Associação Brasileira de Infra-Estrutura e Indústria de Base) e na BM&F (Bolsa de Mercadorias e Futuros).

"Todos se mostraram interessados em conhecer mais de perto as nossas potencialidades na siderurgia, no agronegócio, no ecoturismo." Mas de nada adiantaria o Estado ter tantas riquezas se não fosse possível viabilizar o transporte desses bens, acrescentou Zeca, frisando que a natureza proveu Mato Grosso do Sul dos meios viários necessário para se desenvolver, vencer o atraso e a probreza e ocupar lugar de destaque no país.

"Nenhum outro Estado possui, na dimensão que nós, a intermodalidade de transporte", ressaltou. "O presidente Lula tem dito que quer sair da retórica para efetivar na prática a integração física da América do Sul, e daí sim concretizar a integração econômica. Estou certo que quando isso acontecer, o continente vai se transformar no celeiro do mundo."

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 19 de Setembro de 2020
Sexta, 18 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)