Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

23/05/2010 14:43

Viúva manterá fé em torno do milagre da Santa do Mel

Marcio Breda, Campo Grande News

Sonia Maria Diniz, viúva de José Rezek, proprietário da imagem de Nossa Senhora que vertia mel em forma de lágrimas e que faleceu ontem na Capital, afirmou durante o velório do marido que as ações sociais em torno da Santa permanecerão.

“Queremos continuar nosso trabalho, manter nossa casa aberta e lutar para erguer o hospital Nossa Senhora do Mel, que já registramos. Vamos seguir a vontade dele”, explicou emocionada.

De acordo com Sonia, familiares e amigos de José Rezek fundaram uma Ong para ações assistencialistas, baseada na comoção e na fé que envolve a imagem.

“Montamos a organização para trabalhar na construção do hospital e custear a visitação. Mas só recebemos apoio estrangeiro até agora”, lamenta.

A viúva relembra que o último envolvimento de José Rezek foi durante a organização da festa de três anos que marcam o início do milagre. “Ele me pediu para mantermos a casa sempre aberta a todos, não importando religião ou crença. E vamos fazer isso por ele”, disse Sônia.

Rezek faleceu ontem, às 23h45, aos 71 anos, após complicações de um aneurisma sofrido há pouco mais de um mês. De acordo com familiares, ele estava em coma induzido. Os médicos tentaram retornaram o quadro de coma, mas não conseguiram e Rezek não resistiu.

O enterro está marcado para às 16h45 deste domingo.

História - A imagem de Nossa Senhora de Fátima de José Rezek começou a verter mel no dia 16 de maio de 2007, atraindo a atenção da sociedade e levando um grupo de fieis fervorosos para a casa, localizada próximo à Avenida Três Barras.

A quantidade de mel produzido pela santa era tamanha que a família passou a distribuí-lo para quem visitava a imagem.

Com o passar do tempo, segundo Sônia, apenas os fiéis mais fervorosos mantinham a rotina de visitação. “Recebíamos mais gente de fora do que daqui. O movimento caiu um pouco. Mas o importante é que o milagre permanece”.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)