Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/05/2010 20:39

Vitória arranca empate com o Flamengo no final

GE.net

Vitória e Flamengo continuam sem vencer no Campeonato Brasileiro. Estreando o seu uniforme azul e amarelo, o time carioca começou à frente no placar logo no início do jogo, com gol de Vagner Love. Mas a equipe baiana reagiu aos 40 minutos do segundo tempo, com Elkeson: 1 a 1.

O Flamengo não tem tempo para lamentar o resultado, pois ainda tenta seguir vivo na Copa Libertadores da América. O jogo de volta contra a Universidade de Chile será na quinta-feira, fora de casa. Agora com 2 pontos no Brasileirão, a equipe enfrentará o Grêmio Prudente no domingo, no Maracanã.

Já o Vitória se concentra para receber o Atlético-GO na quarta-feira e buscar uma vaga na decisão da Copa do Brasil. O time de Ricardo Silva jogou com seis desfalques neste final de semana para superar a derrota na primeira rodada, diante do Palmeiras. Visitará o Ceará no domingo, no Castelão.

O jogo - O atacante Vagner Love pediu a palavra enquanto o Flamengo se reunia no túnel que dava acesso ao gramado do Barradão. Encerrou o seu discurso com uma frase de efeito: "Vamos atropelar os caras!". Menos de dois minutos depois, o Vitória já perdia por 1 a 0.

O gol foi do próprio Vagner Love. Adriano fez bom cruzamento da esquerda, e o seu companheiro de ataque dividiu com o goleiro Vinícius para empurrar a bola para as redes com o corpo. Foi o primeiro gol do Flamengo com o seu novo uniforme, azul e amarelo.

Em bom número nas arquibancadas, a torcida do time carioca passou a cantar ainda mais alto. Os rubro-negros do Vitória respondiam com gritos e assobios. Ostentavam até uma faixa em que convocavam os "nordestinos de coração" a apoiarem os clubes da região.

Mas realmente os flamenguistas tinham mais motivos para vibrar. A equipe comandada por Rogério Lourenço imprimia o mesmo ritmo que a Universidad de Chile demonstrou no Maracanã, na última quarta-feira. O caminho para o ataque era pelo lado do esquerdo do campo, com Adriano, Michael e Juan.

A forte chuva que caía em Salvador diminuiu o ímpeto do Flamengo. O Vitória melhorou, impulsionado pela movimentação de Neto Berola, mas tinha dificuldades para jogar no campo encharcado. A bola constantemente parava nas poças. Pelo rival, Michael tinha outro problema: habituado ao rubro-negro do uniforme principal e seu time, chegou a errar um passe.

Como o Vitória não conseguia ter contundência, apesar do volume de jogo, restou à torcida provocar Adriano. O público começou a berrar o nome de Grafite, atacante convocado por Dunga para disputar a Copa do Mundo da África do Sul. E vaiou o resultado quando o primeiro tempo acabou.

O Vitória voltou para a etapa complementar com uma alteração. Gabriel entrou no lugar de Vilson, que se machucou por causa do gramado molhado. O campo já estava mais seco no segundo tempo, e a equipe baiana tentou aproveitar com velocidade e cruzamentos na área.

A revolta dos torcedores do Vitória, então, virou-se contra o árbitro paulista Paulo César de Oliveira. Exigiram que dois pênaltis fossem marcados, mas foram ignorados. O técnico Ricardo Silva entrou em ação e trocou Uelliton e Neto Berola por Lenílson e Kleiton Domingues.

Cansado, até pelas condições do jogo, o Flamengo se poupava e oferecia espaços para o oponente atacar. Sua torcida pedia a entrada de Petkovic, que também fez sucesso no Vitória. Mas Rogério Lourenço preferiu colocar primeiro Fierro na vaga de Michael.

Quando Petkovic finalmente entrou em campo, no lugar de Vagner Love, as duas torcidas aplaudiram o ídolo. O Flamengo ainda reforçou a marcação com Maldonado, substituto de Toró. Não adiantou. Aos 40 minutos, Elkeson cobrou falta com categoria e fez a festa dos baianos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)