Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

12/02/2009 12:59

Vítima de latrocínio foi escolhida aleatoriamente

Nadyenka Castro e Adriany Vital, Campo Grande News

O trio que assaltou e matou Manoel José Pires, 60 anos, na noite de quarta-feira (4), em Campo Grande, disse à Polícia Civil que a vítima foi escolhida aleatoriamente.

De acordo com a Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes de Roubos e Furtos), o jardineiro William Paiva Braz, 23 anos, o instrumentador cirúrgico William Pereira Alves, 20 anos, e o eletricista Ronaldo Angoreli, 29 anos, disseram que bebiam cerveja em um posto de combustíveis no bairro Guanandi, quando decidiram fazer um assalto.

Conforme a Polícia, foi Ronaldo quem convenceu os comparsas a “conseguir um dinheiro fácil”. Foi ele também quem planejou como seria o assalto.

Segundo a Derf, os autores viram o Corolla parado com duas pessoas dentro e então decidiram que o motorista seria o alvo do roubo. Após a mulher sair, William Paiva abordou Manoel.

Com um revólver calibre 38 nas mãos, o jardineiro anunciou o assalto e atirou após Manoel ter ligado o carro. A vítima morreu no local.

O trio fugiu em um veículo Fox dirigido por William Pereira, que está em nome da esposa dele. Através da placa do carro, informada por populares, a Polícia chegou aos autores, que confessaram o crime.

Após o latrocínio, todos continuaram as atividades normais, sendo que William Paiva raspou a cabeça para evitar ser reconhecido.

Ele disse ao Campo Grande News que não sabia da intenção do roubo e que havia bebido uma caixa de cerveja com os comparsas e depois deram uma volta na cidade. Declarou ainda que está muito assustado e que “nunca precisou disso”.

A arma utilizada foi encontrada enterrada, envolta a uma camisa, no quintal da casa de Ronaldo, no bairro Santa Emília, onde ele foi preso. Os outros dois também foram presos em casa, no Jardim Antártica.

Segundo a Polícia, as famílias dos dois rapazes de mesmo nome, que não tinham antecedentes criminais, estão chocadas com o caso. Ronaldo é o único que já tinha passagem pela Polícia. Eles roubaram a carteira de Manoel.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)