Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/02/2009 12:59

Vítima de latrocínio foi escolhida aleatoriamente

Nadyenka Castro e Adriany Vital, Campo Grande News

O trio que assaltou e matou Manoel José Pires, 60 anos, na noite de quarta-feira (4), em Campo Grande, disse à Polícia Civil que a vítima foi escolhida aleatoriamente.

De acordo com a Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes de Roubos e Furtos), o jardineiro William Paiva Braz, 23 anos, o instrumentador cirúrgico William Pereira Alves, 20 anos, e o eletricista Ronaldo Angoreli, 29 anos, disseram que bebiam cerveja em um posto de combustíveis no bairro Guanandi, quando decidiram fazer um assalto.

Conforme a Polícia, foi Ronaldo quem convenceu os comparsas a “conseguir um dinheiro fácil”. Foi ele também quem planejou como seria o assalto.

Segundo a Derf, os autores viram o Corolla parado com duas pessoas dentro e então decidiram que o motorista seria o alvo do roubo. Após a mulher sair, William Paiva abordou Manoel.

Com um revólver calibre 38 nas mãos, o jardineiro anunciou o assalto e atirou após Manoel ter ligado o carro. A vítima morreu no local.

O trio fugiu em um veículo Fox dirigido por William Pereira, que está em nome da esposa dele. Através da placa do carro, informada por populares, a Polícia chegou aos autores, que confessaram o crime.

Após o latrocínio, todos continuaram as atividades normais, sendo que William Paiva raspou a cabeça para evitar ser reconhecido.

Ele disse ao Campo Grande News que não sabia da intenção do roubo e que havia bebido uma caixa de cerveja com os comparsas e depois deram uma volta na cidade. Declarou ainda que está muito assustado e que “nunca precisou disso”.

A arma utilizada foi encontrada enterrada, envolta a uma camisa, no quintal da casa de Ronaldo, no bairro Santa Emília, onde ele foi preso. Os outros dois também foram presos em casa, no Jardim Antártica.

Segundo a Polícia, as famílias dos dois rapazes de mesmo nome, que não tinham antecedentes criminais, estão chocadas com o caso. Ronaldo é o único que já tinha passagem pela Polícia. Eles roubaram a carteira de Manoel.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)