Cassilândia, Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

25/03/2010 18:43

Virose contagiosa faz Iagro abater porcos em Dourados

Campo Grande News/ Edivaldo Bitencourt

Técnicos da Iagro (Agência Estadual de Defesa da Sanidade Animal e Vegetal) abateram dezenas de porcos em propriedades rurais de Dourados, a 230 quilômetros da Capital, para evitar a propagação da doença Aujeszky, virose altamente contagiosa entre mamíferos e aves.

Em nota técnica, o órgão confirmou reação sorológica positiva em algumas propriedades rurais de Dourados. Os suínos foram sacrificados. Somente na Fazenda Nazaré, na região de Guaçu, foram abatidos 40 animais, conforme o jornal Diário MS desta quinta-feira.

“A Doença de Aujeszky é uma doença viral, altamente contagiosa, que afeta a maioria dos mamíferos e aves, porém os suínos e javalis são os únicos hospedeiros naturais do vírus”, informou em nota técnica divulgada hoje à tarde.
“Nas demais espécies animais a doença é fatal”, ressaltou, sinalizando que não há risco para os seres humanos.

O órgão não informou quantos animais nem em quantas propriedades rurais houve sacrifício. Só justificou que a medida visa “salvaguardar o rebanho suíno do Mato Grosso do Sul, principalmente, da grande Dourados e retomar o mais rápido o mais rápido a exportação para países importadores de carne suína”.

A Doença Aujeszky é conhecida como pseudoraiva que causa a morte de leitões e diminui o ganho de peso dos animais adultos.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Fevereiro de 2017
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
13:30
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)