Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/10/2011 19:47

Violência faz governo paraguaio decretar estado de emergência em duas regiões

Agência Telam

Brasília – O presidente do Paraguai, Fernando Lugo, decretou hoje (10) estado de emergência por 60 dias nas regiões de Concepción e San Pedro, após o aumento dos índices de violência, atribuída ao grupo que se autodenomina Exército do Povo Paraguaio (EPP).

Durante a vigência do estado emergência, a Polícia Nacional e as Forças Militares vão trabalhar em conjunto para combater as ações ilegais do grupo e garantir a segurança da população.

O ministro do Interior, Carlos Filizzola, disse que o Poder Executivo deverá preparar o decreto que cria o Comando Institucional, integrado por chefes militares e policiais, para coordenadar a intervenção estabelecida pelo estado de exceção.

Antes da promulgação, Lugo disse que seu governo \"não fecha os olhos nem os ouvidos para os problemas reais do país\", como no caso da insegurança causada pela EPP, a qual ele descreveu como grupo criminoso formado há vários anos e que constitui \"uma herança recebida de outros governos.\"

As declarações presidenciais foram feitas durante uma teleconferência com o governador de Concepción, Emilio Pavon, a quem manifestou sua expectativa de que o estado de emergência alcance os resultados esperados nas ações de combate do EPP.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)