Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/07/2011 10:24

Vereadores aprovam incentivos de R$ 420 milhões para construção do estádio do Corinthians

Bruno Bocchini, Agência Brasil

São Paulo – O plenário da Câmara Municipal de São Paulo aprovou na noite de hoje (1º), em segunda votação, o projeto de lei que concede R$ 420 milhões em incentivos fiscais para as obras de construção do estádio do Corinthians, na zona leste da cidade. A obra deverá ser feita pela empreiteira Odebrecht, escolhida pelo clube.

Foram 39 votos favoráveis e 15 contrários. Eram necessários 28 votos para a aprovação. O projeto agora deverá ser enviado para sanção do prefeito Gilberto Kassab. A aprovação da lei foi comemorada por pessoas presentes nas galerias da Câmara, que gritaram o nome Corinthians.

A lei aprovada, ao contrário do projeto original, condiciona a concessão dos incentivos à efetiva realização do jogo de abertura da Copa do Mundo em 2014 na cidade de São Paulo. A alteração no texto foi proposta pela liderança do governo. Caso o jogo inaugural da Copa não ocorra na capital paulista, os incentivos não serão concedidos. Esta semana, a Federação Internacional de Futebol (Fifa) anunciou que deverá definir apenas em outubro o local de abertura do Mundial.

Para justificar os incentivos fiscais em benefício de um empreendimento privado, a prefeitura argumentou que a obra irá contribuir para o desenvolvimento econômico da zona leste da cidade, que concentra 37% da população paulistana. Segundo a administração municipal, a abertura do Mundial no município irá gerar receitas da ordem de R$ 1 bilhão aos cofres públicos, o que compensaria os incentivos aplicados.

Contrário à proposta dos incentivos, o vereador Aurélio Miguel (PR), prometeu levar o caso à Justiça. “Assim que [a lei for] sancionada, vou entrar com uma ação popular porque é perda de patrimônio do município na forma de incentivo a dois particulares, o que é vedado pela Constituição. Os senhores não tenham dúvidas de que o Poder Judiciário vai fazer o seu papel, porque nós vamos recorrer até a última instância”, disse.



Edição: Aécio

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)