Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

Últimas Notícias

16/08/2013 09:36

Vereador questiona salário de engenheiros e deve pedir cancelamento de concurso

Campo Grande News/ Jéssica Benitez

Representante dos engenheiros na Câmara Municipal de Campo Grande, o vereador Edson Shimabukuro (PTB), ameaçou pedir cancelamento das oito vagas direcionadas à categoria no concurso da Agehab (Secretaria de Estado de Habitação e das Cidades) devido ao baixo salário oferecido. A remuneração questionada é de R$ 1.300 por 40 horas semanais trabalhadas, enquanto o edital do IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul), com quatro vagas, propõe pagamento de R$ 3.138 por mês.

Segundo o parlamentar a diferença nos valores gerou revolta nos profissionais que se manifestaram pelas redes sociais. Diante da situação, Shimabukuro, que também é presidente do Sindicato dos Engenheiros de Mato Grosso do Sul, deve notificar os organizadores do concurso para que façam revisão do edital. O objetivo é que a remuneração seja equiparada à Lei 4950-A de 1966 que dispõe sobre a remuneração de profissionais diplomados em Engenharia, Química, Arquitetura, Agronomia e Veterinária.

Caso a medida não seja acatada, o passo seguinte é pedir anulação do concurso por meio da Justiça. “Já falei com o prefeito Alcides Bernal para que os engenheiros tenham pelo menos o recebimento do salário mínimo profissional (SMP) e principalmente a valorização dos mesmos como técnicos importantes em sua administração. Inclusive, Bernal nos respondeu que o engenheiro Semy Ferraz, atual secretario SEHINTRA, já tem em mãos o plano de cargo e salários (plano de carreira) que contempla o SMP”, explicou Shimabukuro.

Segundo o vereador, a questão também já foi debatida com o governador e que aguarda apenas a confirmação de um horário para tratar do assunto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 25 de Março de 2017
21:10
Cassilândia
15:01
Curiosidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)