Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/08/2013 09:36

Vereador questiona salário de engenheiros e deve pedir cancelamento de concurso

Campo Grande News/ Jéssica Benitez

Representante dos engenheiros na Câmara Municipal de Campo Grande, o vereador Edson Shimabukuro (PTB), ameaçou pedir cancelamento das oito vagas direcionadas à categoria no concurso da Agehab (Secretaria de Estado de Habitação e das Cidades) devido ao baixo salário oferecido. A remuneração questionada é de R$ 1.300 por 40 horas semanais trabalhadas, enquanto o edital do IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul), com quatro vagas, propõe pagamento de R$ 3.138 por mês.

Segundo o parlamentar a diferença nos valores gerou revolta nos profissionais que se manifestaram pelas redes sociais. Diante da situação, Shimabukuro, que também é presidente do Sindicato dos Engenheiros de Mato Grosso do Sul, deve notificar os organizadores do concurso para que façam revisão do edital. O objetivo é que a remuneração seja equiparada à Lei 4950-A de 1966 que dispõe sobre a remuneração de profissionais diplomados em Engenharia, Química, Arquitetura, Agronomia e Veterinária.

Caso a medida não seja acatada, o passo seguinte é pedir anulação do concurso por meio da Justiça. “Já falei com o prefeito Alcides Bernal para que os engenheiros tenham pelo menos o recebimento do salário mínimo profissional (SMP) e principalmente a valorização dos mesmos como técnicos importantes em sua administração. Inclusive, Bernal nos respondeu que o engenheiro Semy Ferraz, atual secretario SEHINTRA, já tem em mãos o plano de cargo e salários (plano de carreira) que contempla o SMP”, explicou Shimabukuro.

Segundo o vereador, a questão também já foi debatida com o governador e que aguarda apenas a confirmação de um horário para tratar do assunto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)