Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/06/2008 10:01

Vereador de Iguatemi perde o cargo por trocar de partido

Paulo Fernandes, Campo Grande News

Acusado de infidelidade partidária, o vereador Luís Soares de Souza, de Iguatemi, perdeu o cargo na sessão da noite de ontem do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral). O relator do processo, André Luis Borges Neto, considerou que a defesa não conseguiu provar que houve justa causa na desfiliação do vereador do PSDB, que migrou para o PDT.

O advogado José Wanderley Bezerra Alves, que defendeu o vereador, disse que irá recorrer da decisão ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Alves argumenta que a resolução do TSE que determina a perda do mandato, no entendimento dele, é inconstitucional, já que não existe legislação sobre o assunto.

Além disso, Alves afirma que o vereador não era respeitado dentro do partido. “Ele não tinha voz. Ele não era ouvido. Ele era só um número no partido, uma pessoa com muitos votos”, afirmou.

Caso fique sem o mandato, o cargo de Luís Soares de Souza deverá ser ocupado por Wilson Alves.

Já o resultado de outro julgamento por infidelidade, ocorrido na mesma sessão, teve desfecho completamente diferente. Rosário Congro Flores Filho, de Antônio João, foi inocentado por 5 votos a 1.

O relator, que foi o mesmo do outro processo (André Luis Borges Neto), considerou que Rosário as provas foram suficientes para demonstrar que o vereador não possuía apoio político dentro do partido e sofria perseguição. O parlamentar trocou o PT pelo PSB.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)