Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/01/2008 16:52

Venda de bebidas em BRs será proibida fora das cidades

Aline dos Santos/Campo Grande News

A venda de bebidas alcoólicas está proibida a partir de amanhã em postos de combustíveis, balneários, motéis, quiosques, bares, restaurantes ou qualquer estabelecimento comercial que esteja às margens de rodovias federais e não pertençam ao perímetro urbano do município.

Segundo o superintendente da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Valter Aparecido Favaro, o texto do decreto 6.366, que regulamentou a Medida Provisória 415, é dúbio; mas o entendimento é que a faixa de domínio se refira somente ao trecho de rodovia na zona rural. “Embora um pouco dúbio, o entendimento é que a área urbana ficou isenta”, afirma Valter Favaro. Contudo, a PRF irá pedir mais esclarecimentos junto à presidência da república.

A PRF já mapeou 98 pontos que comercializam bebidas às margens das rodovias. A fiscalização começa a partir de amanhã. A princípio, a ação será mais rigorosa em restaurantes, balneários e postos de combustíveis. Valter Favaro acredita que a venda de bebidas alcoólicas nos motéis será mais difícil de coibir.

“A PRF vai estar 24 horas no trecho”, reforça o superintendente. Entretanto, o sindicato da categoria já apontou que o efetivo de 418 policiais é insuficiente para as ações normais. A fiscalização também deve ser prejudicada após o Carnaval, quando os policiais vão entrar em greve. No Estado, são 24 aparelhos de “bafômetro”: cada um dos 22 postos da PRF possui uma unidade.

Valter Favaro salienta que a proibição também inclui faixas contíguas as rodovias. “O decreto não fala em distância. Mas vamos usar o bom-senso”, avalia. Como o decreto também impede o oferecimento de bebidas, as festas às margens das rodovias não poderão ter bebidas alcoólicas.

Multa - A multa para quem for flagrado pela PRF é de R$ 1.500. Em caso de reincidência, a penalidade será aplicada em dobro e a autorização para acesso à rodovia suspensa por dois anos. A bebida deve ser retirada. “Mas o decreto não fala em apreensão”, lembra o superintendente.

Ainda de acordo com a regulamentação, o estabelecimento comercial situado na faixa de domínio de rodovia federal deverá afixar cartaz informando a proibição da venda. A multa para quem descumprir a exigência será de R$ 300. “Como foi publicada no Diário Oficial, a pessoa não vai poder alegar ignorância”, alerta.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)