Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/12/2013 17:44

Veja quanto vai custar o pedágio da BR 163 e a firma vencedora

Assessoria

São Paulo, 17 de dezembro de 2013 - O Grupo CCR, uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina, apresentou a melhor proposta no leilão da BR 163/MS que integra a 3ª etapa das concessões de rodovias federais. Ao oferecer a menor tarifa básica de pedágio de R$ 4,38 a cada cem quilômetros rodados, com um valor de deságio de 52,74%, a CCR assegurou por 30 anos o direito de operar toda a infraestrutura e o serviço público de recuperação, conservação, manutenção, implantação de melhorias e a ampliação da capacidade da rodovia BR-163/MS. O lance no leilão, que contou com a participação de cinco grupos e um consórcio, foi dado por meio da Companhia de Participações em Concessões (CPC), que representa o Grupo CCR.

Ficará sob responsabilidade da CCR um total de 847,2 quilômetros de extensão da BR-163/MS. O trecho, que abrange as divisas do Mato Grosso e do Paraná, representa um total de 20 municípios pertencentes ao Estado do Mato Grosso do Sul.

A previsão é de que sejam investidos durante os cinco primeiros anos de concessão R$ 3,4 bilhões, de um total de R$ 5,7 bilhões, que contemplam a duplicação completa da rodovia. Ao todo, está prevista também a construção de nove praças de pedágio. Após o anúncio como vencedor da licitação, o Grupo CCR aguarda a aprovação das documentações necessárias para concretizar a assinatura do contrato. Mais detalhes do edital do leilão de concessão da BR-163/MS podem ser conferidos por meio do link abaixo:

http://3etapaconcessoes.antt.gov.br/index.php/content/view/2497/Edital___Lote_6.html

Com esta conquista, após a assinatura do contrato, a companhia será responsável por 3.284 quilômetros de rodovias nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Mato Grosso do Sul. O Grupo CCR reafirma seu compromisso com o desenvolvimento da infraestrutura, viabilizando soluções de investimentos e serviços, contribuindo com o desenvolvimento socioeconômico e ambiental das regiões onde atua.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)