Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/04/2013 07:30

Vai a júri acusado de tentar matar vítima por pedaço de carne

TJMS

Será realizado nesta quarta-feira (17), às 8 horas, pela 2ª Vara do Tribunal do Júri, o julgamento do réu A.A.P.F., denunciado no artigo 121, § 2º, incisos I e IV c/c artigo 14, inciso II (tentativa de homicídio cometido por motivo torpe com recurso que dificulta a defesa da vítima), ambos do Código Penal.

A denúncia narra que no dia 25 de dezembro de 2009, na Rua Serra Azul, localizada na Vila São Jorge da Lagoa, A.A.P.F. tentou matar com uma facada a vítima S.G.B., que foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e recebeu os devidos cuidados.

No dia do crime, acontecia uma confraternização na residência da irmã do acusado e da sogra da vítima, onde todos ingeriram bebida alcoólica. No entanto, no fim da tarde, a vítima discutiu com A.A.P.F., em razão do mesmo ter mexido em um pedaço de carne que estava assando na churrasqueira.

Após a discussão, a vítima, juntamente com sua esposa e filhos, foi embora para evitar o transtorno. Porém, enquanto S.G.B. estava consertando seu veículo, o réu chegou de motocicleta na sua residência, dizendo: "Você é um comédia mesmo! Discutir por um pedaço de carneiro". Assim, após dizer tal frase, desferiu um golpe de faca no peito da vítima.

Ainda de acordo com os autos, no momento do ocorrido, S.G.B. pegou uma faca que guardava no seu carro e para se defender, também deu uma facada no acusado, que acabou sendo socorrido também pelo Corpo de Bombeiros.

O réu teria cometido o crime por motivo torpe, pois estava com o intuito de se vingar da vítima, pela razão de ter discutido com a mesma por causa de um pedaço de carne. Também teria usado do recurso que dificultou a defesa da vítima, porque o acusado foi até a casa de S.G.B. E, sem que o mesmo pudesse esperar, efetuou o golpe de faca.

O juiz titular da vara, Aluizio Pereira dos Santos, acolheu as qualificadoras apontadas pela defesa e, quanto às possíveis teses de legítima defesa e desclassificação para lesão corporal, alega que serão apreciadas pelo Conselho de Sentença.

Processo nº 0000339-97.2010.8.12.0001

Autor da notícia: Secretaria de Comunicação Social - imprensa.forum@tjms.jus.br

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)