Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/04/2005 09:48

Uso sustentável do Aqüífero Guarani é tema de encontro

Lúcia Nórcio/ABr

O Ministério do Meio Ambiente realiza em Curitiba, amanhã (27) e quinta-feira (28), o Encontro Nacional de Execução do Projeto de Proteção Ambiental e Desenvolvimento Sustentável do Sistema Aqüífero Guarani (reserva subterrânea de água doce).

O projeto, desenvolvido pelos países por onde passa o aqüífero (Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai), tem como objetivo planejar conjuntamente a gestão e o uso sustentável do maior reservatório de água-doce do planeta. Representantes de oito estados brasileiros beneficiados pelo reservatório irão apresentar as informações reunidas até agora sobre o aqüífero.

Segundo o secretário do Planejamento, Reinhold Stephanes, nos dois dias do encontro serão discutidas questões em torno da utilização e da preservação do Aqüífero Guarani. Para ele, o assunto é de vital importância não só para o Paraná, mas para o Brasil, país que detém a maior concentração de água do planeta. "Do planejamento do uso desses recursos hídricos depende não apenas o crescimento da nossa economia, mas a própria sobrevivência das próximas gerações", afirmou.

Os recursos hídricos subterrâneos representam cerca de 97% do total de água doce existente no planeta Terra. Aqüífero Guarani é a denominação dada à reserva de água existente em parte do subsolo da região do Mercosul. O Aqüífero Guarani percorre uma área total de 1.200.000 quilômetros quadrados, abrangendo os estados do Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Também passa pela Argentina, Paraguai e Uruguai. No Brasil, a área do Aqüífero Guarani é de 840.000 quilômetros quadrados e no Paraná, de 131.300 quilômetros quadrados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)