Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/07/2010 09:03

Uruguaios e holandeses decidem primeiro finalista da Copa

GE.net

Uruguai e Holanda se enfrentam nesta terça-feira, às 15h30 (horário de Brasília), no Estádio Green Point, na Cidade do Cabo, pelas semifinais da Copa do Mundo. O ganhador decidirá o título com o classificado do encontro entre Alemanha e Espanha, que jogam na quarta. Este será o quinto duelo registrado na história entre holandeses e uruguaios e a vantagem é dos sul-americanos, que ganharam em três ocasiões, sendo a mais recente, por 2 a 0, no Mundialito de 1980. Porém, o choque mais importante entre os dois foi marcado pela única vitória holandesa, também por 2 a 0, na Copa do Mundo de 1974. Nos Jogos Olímpicos de 1924 e 1928 triunfos uruguaios por 2 a 1 e 2 a 0, respectivamente.

As duas seleções chegam para este duelo com status de surpresas. Ninguém no início do torneio poderia esperar que o Uruguai, que se classificou na repescagem, seria semifinalista. Porém, a Celeste surpreendeu ao terminar em primeiro lugar um grupo que tinha a anfitriã África do Sul e a poderosa França. Nas oitavas, passou pela Coreia do Sul, enquanto nas quartas de final, em um dia que mostrou toda a raça uruguaia, a seleção azul superou Gana nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar.

Já os holandeses chegam às semifinais com cem por cento de aproveitamento. Ganharam um grupo relativamente tranquilo e fizeram 2 a 1 na Eslováquia nas oitavas de final. Porém o rótulo de zebra acabou sendo conquistado mesmo nas quartas de final, quando a Laranja Mecânica desbancou a favorita Seleção Brasileira com um triunfo por 2 a 1.

As campanhas surpreendentes das duas seleções já eram esperadas pelos seus respectivos treinadores. Pelo menos isso que eles vem proclamando nos discursos antes das semifinais. "Descobriram apenas agora a seleção uruguaia. Depois de alguns dias de concentrações vazias, hoje estamos com jornalistas em excesso e muitos curiosos dispostos a descobrir o que o Uruguai tem. Mas para nós não existe nenhuma surpresa, pois viajamos para a África do Sul com o objetivo de levarmos o título para esse país e por isso encontramos forças para superarmos todas as expectativas", disse Oscar Tabárez, técnico da seleção uruguaia.

Bert Van Marwijk, técnico da Holanda, diz que todos os integrantes de sua seleção esperavam estar nas semifinais. "Trabalhamos para isso e quando se trabalha com seriedade não existe surpresa com a conquista de resultados. Claro que apontavam a Seleção Brasileira como favorita nas quartas de final. Mas ninguém diria que seria impossível a Holanda ganhar, ainda mais pelo que estamos apresentando. Agora temos uma outra grande seleção pelo caminho, continuamos nos esforçando em excesso e por isso temos condições de decidirmos o título", afirmou o comandante holandês.

As duas seleções estão definidas para o confronto desta terça-feira. Na Holanda, o zagueiro Andre Ooijer, que era dúvida por conta de uma lesão no joelho direito, que o tirou do fim do jogo contra o Brasil, trabalhou normalmente no último treino antes da partida e vai a campo. O lateral-direito Van der Wiel e o volante De Jong estão suspensos por terem recebido o terceiro cartão amarelo contra o Brasil. Para o lugar deles, Boulahrouz e De Zeeuw são os prováveis substitutos.

Para este compromisso, o Uruguai não poderá contar com o lateral-esquerdo Jorge Fucile, suspenso por ter recebido o segundo cartão amarelo contra Gana, e nem com o atacante Luis Suárez, expulso no mesmo jogo. Além deles, uma dúvida é o zagueiro Diego Lugano, vetado por uma entorse no joelhor direito. Com isso, Diego Godín pode ganhar a vaga na zaga, enquanto Martín Cáceres ocupará a lateral esquerda. Álvaro Pereira entra no meio de campo, com Diego Forlán jogando na função de atacante, ao lado de Edinson Cavani. Ruim para o ídolo botafoguense Loco Abreu, que segue como opção no banco de reservas. Haverá, também, uma mudança de ordem técnica, com Walter Gargano entrando na vaga de Álvaro Fernández, que não agradou contra Gana e foi barrado.

FICHA TÉCNICA
URUGUAI x HOLANDA

Local: Estádio Green Point, na Cidade do Cabo (África do Sul)
Data: 6 de julho de 2010, terça-feira
Horário: 15h30 (Brasília)
Árbitro: Ravshan Irmatov (Uzbequistão)
Assistentes: Rafael Ilyasov e Bahadyr Kochkarov (ambos do Uzbequistão)

URUGUAI: Muslera, Maxi Pereira, Victorino, Godín e Cáceres; Pérez, Gargano, Arévalo e Álvaro Pereira; Cavani e Forlán
Técnico: Oscar Tabárez

HOLANDA: Stekelenburg, Boulahrouz, Heitinga, Ooijer e Van Bronckhorst; Van Bommel, De Zeeuw e Sneijder; Kuyt, Robben e Van Persie
Técnico: Bert Van Marwijk

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)