Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/10/2004 07:24

Universidades em MS têm 10,6% das vagas ociosas

Marina Miranda/Campo Grande News

Em Mato Grosso do Sul, 10,6% das vagas nos estabelecimentos de ensino superior estão desocupadas. O que representa 2,8 mil cadeiras ociosas, revela o Censo da Educação Superior 2003, divulgado nesta quarta-feira.
É a primeira vez, desde 1947, quando o levantamento nas universidades começou a ser feito pelo MEC (Ministério da Educação), que o número de vagas na educação superior supera o número de alunos. No ano passado, 27,4 mil vagas foram oferecidas em Mato Grosso do Sul e 24,6 mil foram preenchidas.
Apesar do déficit, 81 mil alunos concorreram às vagas. A rede pública ofereceu 5,7 mil vagas e a privada 21,7 mil.
Em 2003, 61 mil matrículas foram efetuadas (em todos os anos dos cursos); 20,2 mil matrículas foram na rede pública e 40,8 mil na particular. O levantamento aponta que, dos novos alunos, 6,1 mil estão nas redes do governo e 18,5 mil no privado.
Do total geral do número de matriculados (61 mil), 30,6 mil estão em Campo Grande e 30,4 distribuídos pelo interior.
Dos 24,6 mil estudantes universitários de Mato Grosso do Sul, 18,1 mil prestaram vestibular, 5,7 mil no ensino público e 12,4 mil nas redes pagas. O restante passou por outra forma de processo seletivo, como as avaliações seriadas, feitas no decorrer do ensino médio, ou ingressou por outro meio nos estabelecimentos, por transferências, por exemplo.
No ano passado, 7,9 mil estudantes concluíram a graduação, 3,6 mil estão em Campo Grande e o restante pelas cidades do interior de Mato Grosso do Sul.
Existem no Brasil 1,8 mil instituições de ensino superior. Destas, 655 estão nas capitais e o restante pelo interior do Brasil.
Em Mato Grosso do Sul são 39 estabelecimentos de ensino, sendo um Federal e um Estadual. Ao total, 326 cursos de graduação estão disponíveis no estado, 133 na rede pública e 193 na particular. Em todo o País são cerca de 16,4 mil de cursos.
Em todo Brasil, 1,5 milhão de estudantes ingressaram no ensino superior, mas 3,8 milhões fizeram matrícula. Houve aumento de 11,7% na quantidade de matrículas em relação ao último ano. No setor privado, que conta com 2,7 milhões de estudantes, o crescimento foi de 13,3% e, no setor público, de 8,1%.
O número de vagas criadas no ensino superior cresceu 12,9% em relação ao ano anterior, mas, na prática, só ocorreu nas universidades particulares, que demonstraram aumento de 16,5% em relação a 2002. Nas instituições públicas, foi registrada queda de 4,8% nas matrículas. Nas estaduais, 15,4% e nas federais 2,2%. Apenas nas universidades municipais que cobram mensalidades houve crescimento de 23,3%.
Os dados do Censo da Educação Superior foram divulgados hoje pelo Ministério da Educação. A pesquisa, realizada anualmente pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), está disponível na Internet no endereço www.inep.gov.br. O levantamento coletou informações de 1.859 instituições públicas e privadas, que tinham, pelo menos, um curso com data de início de funcionamento até 30 de outubro de 2003.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)