Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/11/2007 08:10

Unimed obrigada a custear cirurgias

TJGO

Em atuação no plantão forense, o juiz substituto Marcus Vinícius Alves de Oliveira concedeu duas liminares e determinou à Unimed Goiânia – Cooperativa de Trabalho Médico a realização de angioplastias. As decisões contemplaram os segurados Romildo Orcarlino Alves e Alípio Policarpo Martinhon.

Alípio sofreu um infarto do miocárdio no dia 30 de outubro e, após realização de exame de cateterismo, foi constatada a necessidade urgente de realização de angioplastia com colocação de stent. Ao procurar a Unimed, contudo, a família foi informada de que o plano não cobria a implantação de stent. Por sua vez, Romildo apresentou insuficiência cardíaca na madrugada de sábado (03) e, encaminhado ao Centro Clínico Unimed não foi recebido sob alegação de que ainda está no período de carência do plano de saúde.

Em estado gravíssimo, Romildo foi levado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), onde constatou-se a existência de um aneurisma na artéria aorta e conseqüente risco iminente de morte caso não fosse feita intervenção cirúrgica. Ao conceder as medidas, o juiz observou que a boa-fé no contrato de plano de saúde enseja a obrigatoriedade de cobertura de todos os procedimentos que sejam necessários para a saúde do paciente, sendo abusiva, a seu ver, a não-autorização das cirurgias em razão do não-preenchimento do período de carência ou mesmo pelo fato – no caso de Alípio – de o contato não prevêr a colocação de stent, sobretudo quando tais providências são imprescindíveis para a garantia de vida dos segurados. (Patrícia Papini)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)