Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/08/2016 02:47

Único atleta do Amapá na Rio 2016, Venílton Teixeira estreia hoje no taekwondo

Edgard Matsuki - Enviado especial do Portal EBC

 

Único representante do Amapá na Rio 2016, o atleta do taekwondo Venílton Teixeira estreia amanhã (17) na competição. “Consegui ser o segundo amapaense da história a representar o meu estado [o primeiro foi o nadador Jader Souza, em 2004]. O único desta Olimpíada. Isso é uma coisa muito boa para mim porque todos no meu estado estão me apoiando. Se Deus quiser, eu vou trazer a medalha para o meu estado”, disse.

A história de Venílton com o taekwondo começou por meio de uma ação social em 2009. Muito indisciplinado, ele foi obrigado a entrar no projeto. “Alunos da escola que tinham notas baixas eram obrigados a realizar uma modalidade esportiva para ganhar disciplina. Quando ele entrou, chamava atenção pela indisciplina. Não pela habilidade, porque ele não tinha nenhuma”, conta Bruno Igreja, professor de Venílton.

O projeto foi encerrado na troca de governo em 2011 e a carreira de Venílton quase terminou ali, mas Igreja “arrastou” o lutador e outros alunos para sua casa. “Como o projeto durou apenas um ano e acabou, ele abriu uma academia nos fundos da casa dele e me convidou para treinar”, conta o atleta olímpico. Na época, o lutador precisou vender crochê, cascalho e açaí para completar a renda.

Logo o destino dele começou a mudar. Em 2011, fez a primeira viagem, para Itabira (MG), no Campeonato Brasileiro de Clube. A história da primeira viagem contou com a solidariedade de um pai de aluno e com a habilidade de negociação de Igreja.


Iris Tang Sing vence falta de apoio e é esperança do Brasil no taekwondo
“Eu tinha separado 11 atletas para competir e consegui dez passagens. A única pessoa que ficou sem a passagem foi o Venílton”, explica. No dia da viagem, todos treinaram normalmente, pois Igreja não sabia como falar para o lutador que ele não iria.

“No final do treino, à noite, falei com o pai de um menino que tinha mais condições financeiras. Esse pai perguntou se comprando a passagem, o Venílton ganharia. Eu respondi: claro que iria. Chegando lá, tivemos só dois medalhistas de ouro. E um deles era o Venílton.”

A conquista em Minas foi só o começo. Em 2013, ele conseguiu entrar na seleção brasileira da modalidade como reserva. Foi quando patrocínios e bolsas começaram a aparecer e ele pode treinar em condições melhores.

Apesar do crescimento, nunca abandonou o mestre. Bruno Igreja, descrito como grande ídolo de Venílton no site da Confederação Brasileira de Taekwondo, continua com ele até hoje. Nesse meio tempo, ele viu o pupilo dar saltos na carreira. O maior deles foi o 3º lugar no Campeonato Mundial de taekwondo, na Rússia, em 2015.

Para a Rio 2016, o atleta pensa em saltos maiores. “Dá para repetir o 3º lugar no mundial ou dá para ser ainda melhor. Vou tentar ser o primeiro lugar. Os principais adversários são Coreia e Irã.”

Venílton diz que deseja repetir o desempenho dos Jogos Mundiais de 2015. “Eu tive uma vez que desidratar seis quilos em um dia para entrar no peso de 54 quilos. Mesmo assim ganhei medalha de ouro”, conta. A primeira luta de Venílton na Rio 2016 será contra o israelense Ron Atias.

Edição: Líria Jade

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)