Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/03/2014 07:30

Um futuro no lixo?

Rosildo Barcellos

A cultura da reciclagem do alumínio no Brasil já alcança patamares satisfatórios e conta com uma estrutura considerável. Entretanto o poliestireno expandido ainda não gera interesse em sua coleta em função de suas dimensões, sempre amplas,tanto quanto por sua leveza. Para termos uma idéia mais precisa as pérolas de isopor expandidas apresentam até 97% de ar e apenas 3% de plástico.Esta situação poderia começar a mudar se a Política Nacional de Resíduos Sólidos fosse realmente colocada em prática e como preconiza a lei: fosse possível a extinção dos “lixões” até agosto de 2014.

Destarte, há uma imperiosa necessidade de se estruturar em todas as cidades um plano de gestão de resíduos sólidos para que se possa vislumbrar uma sequência mais efetiva de destinação dos materiais recicláveis.O processo de reciclagem do isopor, por exemplo é aparentemente simples: primeiro é feita a coleta do material enviado as cooperativas de reciclagem para posterior início de processo de trituração em máquinas de compactação aonde se retira o ar do produto que representa a maioria esmagadora de seu volume.Já com o volume reduzido é encaminhado para as fábricas de processamento aonde a massa é compactada e moída passando depois por um filtro aonde ela os transforma em fios finos e picotados (pellets). Ao final os grãos são derretidos e transformados em novos produtos, atualmente com foco na sustentabilidade, direcionando os produtos para a construção civil, arquitetura e decoração de ambientes onde a madeira cede espaço para o “plástico reciclado”.

Um terço da produção brasileira de isopor vem de Joinville, Santa Catarina aonde se produz 18 mil toneladas por ano, mas se recicla apenas 5 mil, aonde foram aproveitadas idéias da Coréia do Sul, país que está avançando muito na área do poliestireno expandido reciclado. Este mês comemoramos os 25 anos que Tim Berners-Lee fez circular a sua proposta de gestão de informação...a world wide web, que possibilitou o uso efetivo da internet, mas em 1907 Leo Baekeland já havia revolucionado com a bakelite. Não obstante, das sete famílias de plástico o polietileno tereftalado (PET) tem evoluído no mercado de reciclados, em função da grande oferta, afinal foram produzidas 505 mil toneladas no ano passado. Mas tenho certeza que o nosso futuro está muito mais ligado com o que faremos de nossos resíduos do que com qualquer outro tipo de... (re) evolução.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)