Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/09/2015 14:00

UFMS define data para início do segundo semestre letivo de 2015

Midiamax

A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou nesta terça-feira (15) a data de início do segundo semestre letivo deste ano: 13 de outubro. De acordo com publicação no site da instituição, as aulas terão início tanto para acadêmicos veteranos quanto para aqueles que ingressaram via Sisu (Sistema de Seleção Unificada), por movimentação interna, externa e portador de diploma.

Como o calendário foi definido antes do fim da greve, que permanece legítima, somente após o término do movimento serão elaborados calendários acadêmicos com períodos de reposição de aulas desde primeiro semestre letivo de 2015.

O recesso de dezembro ficou definido entre os dias 21 e 31 e as férias entre 2 e 16 de janeiro. As aulas do segundo semestre de 2015 retornam no dia 18 de janeiro de 2016.

O segundo semestre de 2015 tem previsão de término dia 28 de março de 2016. A recomendação para início do período de colação de grau é 30 dias após a data limite para lançamento de notas (4 de abril). A previsão para início das aulas do primeiro semestre de 2016 é no 13 de abril.

A resolução do Coeg (Conselho de Ensino de Graduação ) também desconsidera em caráter excepcional, a exigência de disciplinas como pré-requisitos em matrículas de disciplinas do segundo semestre letivo de 2015.

Greve

A greve dos docentes da UFMS teve início no dia 15 de junho. A paralisação deixou sem aulas 17 mil acadêmicos, sendo oito mil só em Campo Grande. Mato Grosso do Sul tem oito campi, Nova Andradina, Coxim, Ponta Porã, Aquidauana, Chapadão do Sul, Paranaíba, Três Lagoas e Naviraí.

Os profissionais reivindicavam um reajuste de 27% e reestruturação da carreira com progressão funcional entre um nível profissional e outro. Atualmente o salário de professores, graduados inicialmente para 20 horas aulas, é de R$ 2.080,00, mestres R$ 4 mil e doutores R$ 8.600. Mas, depois de várias reuniões no MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão), em Brasília, a categoria apresentou nova proposta de 19,7%, que não foi analisada pelo governo federal.

De acordo com o diretor financeiro da Adufms (Associação dos Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Marco Aurélio, o governo federal tinha sinalizado uma reunião para o último dia 11 de setembro, mas a reunião não ocorreu e até o momento nada foi definido. Nesta quarta-feira (16) uma assembleia será feita para discutir a proposta do governo federal e se os docentes voltam as salas de aula.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)